Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

JpD quer ter um representante em todos os órgãos autárquicos – presidente

Cidade da Praia, 24 Jul (Inforpress) – A Juventude para a Democracia (JpD) quer ter um representante em todos os órgãos autárquicos, para que os jovens possam ter um delegado e uma voz para efectivar, ainda mais, a participação da juventude nos municípios.

A intenção foi manifestada pelo presidente da JpD, Euclides Silva, que falava hoje à Inforpress, adiantando que esse propósito vai ser partilhado com os jovens dos vários bairros da capital da País, durante uma conversa aberta com o presidente da presidente da Câmara Municipal da Praia, Óscar Santos, prevista para este sábado, 25.

O encontro que está inserida nas acções levadas a cabo pela JpD nos vários municípios do País, tem por objectivo conhecer os projectos e propostas da edilidade praiense para a juventude, assim como auscultar os anseios dos jovens, que terão também a oportunidade de questionar o presidente.

“Nós temos estado a apostar na formação cívica e política, na mobilização dos jovens e o nosso objectivo para essa eleição autárquicas deste ano é ter um representante ou um jovem nos órgãos autárquicos em todos os municípios para representarem e serem a voz dos jovens e efectivar mais a participação da juventude cabo-verdiana”, mencionou.

Segundo o presidente, o acesso ao emprego, à formação, requalificação urbana e acesso às infra-estruturas desportivas de qualidade são algumas das reivindicações dos jovens, mas muitos querem ter, também, uma oportunidade de terem uma participação mais activa na vida política.

“Alguns reclamam que conhecem muitos casos dos eleitos municipais que estão lá há mais de 20 a 30 anos, enquanto que os jovens de 17 e 19 anos tem ideias e querem dar o seu contributo na política, mas são confrontados com essa barreira”, referiu.

Para Euclides Silva, a juventude cabo-verdiana tem sido muito activa nas redes sociais, mas tem faltado espaço para a participação efectiva na vida política, espaço esse que sempre houve, porque nos principais momentos de Cabo Verde estiveram na linha da frente, e provavelmente esses mesmos jovens não querem abandonar para dar espaço para os mais novos.

O encontro deste sábado conta com a participação de jovens dos vários bairros da capital e serão cumpridas com todas as normas de distanciamento social e sanitárias.

AV/DR
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos