Japão, Estados Unidos e Coreia do Sul vão debater resposta à Coreia do Norte

 

Tóquio, 03 Jul (Inforpress) – O primeiro-ministro japonês e os Presidentes dos Estados Unidos e da Coreia do Sul vão manter um encontro trilateral, durante a cimeira do G20, para intensificar a pressão sobre a Coreia do Norte, foi hoje anunciado.

A reunião foi acordada por Shinzo Abe e Donald Trump durante uma conversa telefónica e após contatos prévios com Moon Jae-in para preparar a reunião trilateral, disse em conferência de imprensa o porta-voz do Executivo japonês, Yoshihide Suga.

O encontro terá lugar à margem da cimeira dos países do G20 em Hamburgo (Alemanha), a partir de sexta-feira, e na qual também participaram os Presidentes da Rússia e da China, Vladimir Putin e Xi Jinping, entre outros líderes.

“O encontro (trilateral) é necessário para coordenar a resposta às provocações da Coreia do Norte”, afirmou Suga, que também assinalou a necessidade de a China “se envolver na resolução” da crise na península coreana.

Moon e Trump já sublinharam a necessidade de intensificar a pressão sobre a Coreia do Norte, durante um encontro na semana passada, em Washington, que representou a primeira reunião entre ambos os dirigentes desde a chegada ao poder, em Maio, do Presidente sul-coreano.

Nos últimos meses, o regime de Kim Jong-un redobrou o desafio à comunidade internacional com frequentes testes de mísseis que aumentaram a tensão na região.

Em resposta, a Administração Trump endureceu o tom e insinuou a possibilidade de realizar um ataque preventivo contra a Coreia do Norte.

Moon também endureceu o seu discurso perante os continuados testes de armamento norte-coreanos.

Lusa/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos