Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

IPC congratula-se com facto de a Unesco nunca ter assinalado Cidade Velha como um bem em perigo (c/áudio)

Cidade da Praia, 26 Jun (Inforpress) – O presidente do Instituto do Património Cultural (IPC), Jair Fernandes, congratulou-se hoje com o facto de a Unesco nunca ter aventado ou assinalado Cidade Velha como um bem em perigo.

O responsável falava à Inforpress sobre os desafios da conservação do Património Histórico da Cidade Velha, que hoje assinala os dez anos da sua elevação a Património Mundial da Humanidade, com a apresentação do Plano de Gestão de Cidade Velha, no horizonte 2019-2022.

“Felizmente, a Unesco nunca aventou ou assinalou Cidade Velha como um bem em perigo, isto para nós é extremamente importante. Por outro lado, há muitos desafios, primeiramente o envolvimento efectivo da comunidade” disse, ajuntado que esse envolvimento só é possível a partir da melhoria das condições de vida da população residente.

Neste quesito, recordou que já há projectos que estão “a alavancar” neste momento a Cidade Velha, e outros ainda que vão “devolver a auto-estima” à comunidade.

Uma das principais revindicações apontadas pela população, ao longo desses dez anos, prende-se com o impedimento para construções.

Esta mesma questão tem sido também uma preocupação das autoridades, devido às construções clandestinas que por algumas vezes têm posto em causa a paisagem urbana histórica da Cidade Velha.

Sobre esta matéria, Jair Fernandes informou que já foi criado um grupo de trabalho multissectorial e inter-governamental que envolve vários departamentos desde Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, que coordena o processo, o Ministério da Administração Interna, o Ministério das Infra-estruturas, Ordenamento do Território e Habitação, e o Ministério de Agricultura e Ambiente.

A mesma fonte informou que já foi feito um levantamento das construções clandestinas e que há casos assinalados que irão ter o “devido tratamento” no momento de se fazer a intervenção.

“Estamos em quer que a comunidade irá aderir ao plano e as soluções que estão apontadas terão que ser soluções negociadas. Porque se por um lado, há aqui o património que é preciso salvaguardar, cuidar e valorizar, por outro, há questão do direito privado”, sublinhou, acrescentando que há uma proposta para “meio-termo”, que irá ser socializado e trabalhado com a comunidade nos próximos tempos.

Sobre o plano de gestão apresentado hoje no Centro Cultural Cidade Velha, este responsável afirmou que o documento estratégico, uma exigência da UNESCO, vai ao encontro das “grandes preocupações” estratégicas da Cidade Velha, mas também alinhadas com a própria governação do país, com o envolvimento da comunidade, através da educação patrimonial, e dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável.

Orçado em quatro milhões de euros (cerca de 450 mil contos), Jair Fernandes considerou que muitas acções ou projectos que estão integradas neste plano já estão em execução.

“É um plano de médio e longo prazo, ou seja, aqui o mais importante, não é a questão financeira, mas sim a capacidade de implementarmos, a capacidade de trazer a comunidade, a capacidade de gerar aqui riquezas a partir dos recursos que temos da Cidade Velha hoje e que carecem de uma perspectiva diferente”, sublinhou.

Jair Fernandes informou ainda que o plano já foi socializado com o escritório regional de Dakar (Senegal) que deu o aval positivo para o depósito no Centro de Património Mundial.

Por sua vez, o presidente da Câmara Municipal de Ribeira Grande de Santiago, Manuel de Pina, realçou o facto deste plano ir ao encontro do Plano Estratégico de Desenvolvimento Local.

Considerou ainda que este vai resolver os problemas do Sítio, permitir um “maior envolvimento das pessoas e trazer desenvolvimento e qualidade para o concelho”.


AM/AA
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos