Inspectores de trabalho e parceiros capacitam-se em procedimentos de prevenção e avaliação de riscos

 

Cidade da Praia, 26 Jun (Inforpress) – A Inspeção-Geral de Trabalho promoveu hoje, na Cidade da Praia, uma ação de formação destinada a 30 inspetores de trabalho e parceiros, com vista a colmatar algumas carências em matéria de medidas de prevenção e avaliação de riscos.

Trata-se de uma acção financiada pela cooperação espanhola e destinada a 30 formandos, inspectores de trabalho e parceiros (Inspecção-Geral das Actividades Económicas, Instituto Nacional de Previdência Social, Inspecção-Geral da Construção e Imobiliária, Polícia Nacional, Guarda Municipal, e Ordem dos Engenheiros de CV) com o objectivo de capacitá-los em matéria de gestão da documentação na Inspeção do Trabalho.

Segundo o inspetor-geral do trabalho, Anildo Fortes, esta formação surge da constatação de algumas carências em matéria de medidas de prevenção e avaliação de riscos e da pronta resposta da inspecção espanhola, na sequência de uma visita realizada em Março pela IGT de Cabo Verde à Espanha.

“(…) manifestamos o interesse da Inspecção espanhola em nos ministrar acções de formação em sectores que denotam algumas carências, nomeadamente, de acções de sensibilização para os trabalhadores e as entidades empregadoras, para utilizarem os meios de protecção individual e não só, mas também, para cumprirem as normas que têm a ver com a protecção e saúde dos trabalhadores”, explicou.

O curso contempla uma parte que tem a ver com o tratamento dos processos a nível interno e mais três módulos relacionados com a investigação de acidentes de trabalho, os meios e procedimentos a nível de inspecção nos sectores de hotelaria e de construção civil.

A iniciativa realiza-se no âmbito do Projeto de Apoio Institucional à Inspeção Geral de Trabalho de Cabo Verde, de 26 a 30 de Junho, na sala multiusos do Ministério das Finanças.

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos