Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

INPS apela aos cabo-verdianos a aderirem à campanha nacional de vacinação contra a covid-19

Cidade da Praia, 18 Mar (Inforpress) – A presidente do Instituto Nacional de Saúde Pública (INSP), Maria da Luz Lima, apelou hoje aos cabo-verdianos a aderirem à campanha nacional de vacinação contra a covid-19, mas sublinhou que as medidas de prevenção contra a SARS-COV-2 devem continuar.

Este apelo foi lançado esta tarde, à margem da abertura da acção de capacitação sobre SARS-COV-2 nova variante e vacinação destinada aos jornalistas, e promovida pela INSP, em parceria com a UNICEF e a Agência Americana para o Desenvolvimento Internacional (USAID).

“A vacina tem um histórico muito grande, nos sabemos que milhões de vida foram salvos pela vacinação, portanto, a vacina é um meio de prevenção muito importante e fundamental para esta pandemia e de várias outras doenças”, afirmou a responsável, que disse que as vacinas são eficazes, protegem e por isso devem ser tomadas.

Por outro lado, disse que as outras medidas, como lavagem das mãos, usar mascaras e o distanciamento social devem continuar.

Entretanto, assegurou que o INSP e os seus parceiros têm estado a promover um conjunto de actividades, no âmbito do plano de comunicação para a introdução da vacina contra covid-19, que abrange formações para os profissionais da saúde, organização não governamentais, jornalistas, entre outros.

Maria da Luz Lima explicou que o objectivo da formação é informar e comunicar para que esses profissionais possam estar melhor capacitados para responder e lidar com algumas e questões de eventuais “fake news” ou rumores.

“Tendo conhecimento atempadamente sobre a vacina e as variantes, vai ser possível dar uma resposta mais acertada e cientificamente comprovada nessas circunstâncias”, apontou a presidente, que considerou que os meios de comunicação social são fundamentais na comunicação de risco.

Revelou que neste primeiro momento, o INSP, em concertação com a direcção de Saúde tem apostado na formação e capacitação no sentido de informar a todos sobre a campanha de vacinação e desmitificar essa ideia de não querer tomar a vacina.

A cerimónia de abertura foi presidida pela presidente do INSP e contou com a presença do representante da UNICEF em Cabo Verde, Steven Ursino, e do chefe de relações públicas da embaixada dos Estados Unidos da América, LaSean Knox-Brown.

AV/JMV
Inforpress/Fim
.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos