Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Indicadores de Governança da Migração em Cabo Verde apresentados esta quarta-feira em reunião intersectorial

Cidade da Praia, 22 de Set (Inforpress) – O Governo e a Organização Internacional para as Migrações (OIM) organizam nesta quarta-feira, 23, uma reunião intersectorial de alto nível para apresentação, consulta e validação dos Indicadores de Governança da Migração (IGM) em Cabo Verde.

De acordo com o comunicado de imprensa, a reunião é dirigida às principais instituições nacionais ligadas à migração e visa apresentar, recolher os contributos e validar o relatório dos Indicadores de Governança da Migração (IGM) em Cabo Verde.

Conforme a nota, tendo em conta o contexto da pandemia do novo coronavírus, a referia reunião será realizada num formato semi-presencial, em que haverá participantes a atender a reunião pela via presencial e outros a participar de forma remota, a partir da plataforma Webinar -BlueJeans.

Ainda segundo a mesma fonte, a reunião intersectorial conta pela primeira vez com a participação do director-geral da Organização Internacional para as Migrações (OIM), António Vitorino, via Vídeo-conferência, a partir de Genebra, Suíça, e da Coordenadora Residente do Sistema das Nações Unidas em Cabo Verde, Ana Graça.

Faz parte igualmente da lista de participantes, a representante dos Estados Unidos da América, Carol Thompson O’Connell, secretária Adjunta Interina do Escritório dos EUA para População, Refugiados e Migração (PRM) via videoconferência a partir de Washington, EUA.

O encontro decorre das 09:00 às 13:00, no Salão de Banquetes do Palácio do Governo cujo acto de abertura será presidido pelo ministro de Estado, dos Assuntos Parlamentares e da Presidência do Conselho de Ministros Fernando, Elísio Freire.

Para ajudar os países a entender como seriam as políticas de “migração bem geridas” na prática, a OIM trabalhou com o The Economist Intelligence, unidade que desenvolveu os Indicadores da Governança da Migração (IGM), e definiram um conjunto padrão, de aproximadamente 90 indicadores, que ajudará os países a identificar boas práticas, bem como áreas com potencial para maior desenvolvimento.

Desde o seu lançamento, de acordo com a nota, 68 países usaram o IGM para avaliar suas estruturas de governança da migração e sua respectiva política, pelo que “Cabo Verde foi convidado a fazer parte deste importante exercício dos Indicadores de Governança da Migração”.

A Organização Internacional para as Migrações, sediada na Suíça, é uma organização criada em 1951 para ajudar a solucionar os problemas relacionados com as migrações que haviam sido agravados com o fim da Segunda Guerra Mundial.

CM/TC/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos