Ilha do Sal: Mulher de 36 anos acusada de tráfico de droga fica em prisão preventiva

Espargos, 05 Fev (Inforpress) – Uma mulher de 36 anos, acusada de dois crimes de tráfico de droga, na ilha do Sal, um dos quais em coautoria, presente ao tribunal esta sexta-feira, 01, fica em prisão preventiva.

A mulher em apreço foi detida fora de flagrante delito na zona da Preguiça, cidade dos Espargos, pela Polícia Judiciária na sequência da apreensão de 76 gramas de Cannabis apreendidos, no decurso do cumprimento do Mandado de Busca e Apreensão Domiciliária, ocorrido no passado dia 30 de Janeiro.

Conforme fonte da polícia científica, a detida já vinha sendo investigada pela Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal do Sal (DICS), por prática de tráfico de estupefacientes.

Também na ilha de São Vicente, a PJ através do Departamento de Investigação Criminal do Mindelo (DICM) – Brigada de Tráfico de Estupefacientes e Criminalidade Organizada –, deteve no passado sábado, em flagrante delito, um indivíduo do sexo masculino, de 25 anos, na posse de uma bolsa de viagem, contendo quatro embrulhos de produtos estupefacientes, quando se preparava para desembarcar no Mindelo.

A detenção aconteceu no cais do Porto Grande, numa embarcação que fazia a ligação Santiago/São Vicente, que após submissão a pesagem e teste rápido, os produtos apreendidos, segundo fonte da PJ, reagiram positivamente para cannabis, acusando um peso total bruto de 4000 gramas, ou seja, 4 quilogramas.

O detido foi presente, esta segunda-feira, 04, às autoridades judiciárias competentes, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguido detido e aplicação de medidas de coação pessoal, tendo-lhe sido aplicado prisão preventiva.

SC/FP

Inforpress/Fim

 

 

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos