Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Ilha do Sal: Motoristas Transfer da TUI Portugal ameaçam entrar em greve esta sexta-feira (c/áudio)

Espargos, 11 Dez (Inforpress) – Os motoristas transfer da TUI Portugal – sucursal do Sal, ameaçam entrar em greve esta sexta-feira, para denunciar e exigir à operadora turística a regularização e resolução de várias reivindicações, “há muito intentadas”, por via do diálogo.

O pré-aviso de greve foi entregue esta terça-feira à administração da Tui Portugal – Sucursal Cabo Verde, pelo Sindicato dos Transportes, Comunicações e Administração Pública (SINTCAP), em representação dos trabalhadores, num total de oito, nesta categoria.

Se as reclamações não forem atendidas, estes operários ameaçam entrar numa greve de três dias, com início às 09:00 desta sexta-feira, até o mesmo período de domingo, abrangendo todos os serviços e actividades que normal e habitualmente são exercidos por esta categoria profissional.

Segundo a presidente do SINTCAP, Maria de Brito, em causa estão várias reclamações, de entre elas, a prática de acumulações de funções de motorista e bagageiro, sem consentimento prévio e sem qualquer acréscimo remuneratório.

Outras reivindicações, prossegue a sindicalista, têm a ver com a inexistência de um horário de trabalho, discrepância de salários, e desrespeito ao limite da carga horária fixada pelo Código Laboral.

Perseguição a trabalhadores, com instauração de processos disciplinares, quando está em curso um processo negocial, bem como discriminação na atribuição de bónus, constam também dos descontentamentos.

“Esta decisão foi tomada numa assembleia realizada com esses trabalhadores, que há muito vêm tentando, por via do diálogo e da concertação, verem resolvidas as suas reivindicações, sem qualquer sucesso”, informou.

Em representação dos trabalhadores, disse que o sindicato está aberto a negociações tendo recebido no final do dia de terça-feira, conforme disse, um convite da Direcção do Trabalho, para mais uma tentativa de conciliação entre as partes.

“Também no final deste mesmo dia, recebemos um pedido da administração da TUI para sentarmos à mesa, a partir do dia 16 do corrente mês, e ver se conseguiremos ultrapassar estas reivindicações por via do diálogo. Esperemos que sim, evitando assim, avançar para a greve”, desejou.

A TUI PORTUGAL é um operador turístico presente no mercado nacional, especializado em grandes viagens, com tours de viagens culturais e de lazer em várias zonas geográficas, com especial relevo para Ásia, África e Pacífico.

O Grupo TUI é o maior grupo de turismo integrado do mundo, com operadores turísticos a operar em vários mercados, 1800 agências de viagens e portais online, seis companhias aéreas com mais de 130 aviões, mais de 300 hotéis, 14 navios de cruzeiro e um incontável número de agências receptivas nos principais destinos de férias a nível mundial.

Uma oferta integrada que permite chegar a cerca de 30 milhões de consumidores em 180 países.

SC/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos