Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Ilha do Sal: Hotel Atlântico será transformado numa Escola de Hotelaria e Turismo e de Aeronáutica Civil ainda este ano

 

Espargos, 08 Mai. (Inforpress) – O Hotel Atlântico, na ilha do Sal, deverá ser transformado numa Escola de Hotelaria e Turismo e de Aeronáutica Civil, funcionando, numa primeira fase, como tal, ainda este ano.

O anúncio foi feito hoje pelo presidente do conselho de administração (PCA) da ASA, Renato Lima, durante uma visita conjunta com o edil Júlio Lopes, ao edifício, devendo-se, assim, cumprir com este projecto de reabilitação um “grande sonho” da população e promessa de campanha eleitoral.

Segundo o autarca Júlio Lopes, depois de vários anos de “amorfismo total”, a Câmara Municipal e a ASA tiveram a coragem de trabalhar nestes últimos tempos, de “forma intensiva” , para que hoje pudessem, publicamente, anunciar a novidade.

“Há toda uma perspectiva de operacionalização rápida desse projecto para que a ilha possa dar resposta a questões prementes a nível da qualificação da oferta turística e a própria adaptação da ASA aos grandes desafios que se colocam a Cabo Verde ao nível do aero-negócio. A nossa perspectiva agora é: problema-solução”, sublinhou o autarca.

Júlio Lopes apontou que a partir de Novembro deste ano, com o apoio da Cooperação Luxemburguesa, Câmara Municipal e a ASA, dar-se-á inicio à implementação do primeiro pólo da componente hotelaria e turismo, transformando, assim, o Hotel Atlântico – há muitos anos desactivado – numa “grande escola” de referência para servir os grandes desafios do país nesse campo de acção.

Por sua vez, o PCA da ASA, Renato Lima, sem avançar o custo do projecto, já que, conforme disse, carece de actualização, assegurou que o hotel vai sofrer uma efectiva reabilitação, representando, desta feita, uma “grande” oportunidade de emprego, especialmente, para a camada jovem.

“Estamos convencidos que depois do arranque efectivo desse projecto, a ilha do Sal vai ganhar uma nova dinâmica, com efeitos muito positivos a nível do turismo. Vamos juntar o útil ao agradável”, prognosticou.

SC/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos