Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Ilha do Sal: Dirigente chinês encantado com a ilha turística

Espargos, 01 Nov (Inforpress) – O vice-presidente do Comité Nacional da Conferencia Consultiva Política Popular da China (CCPPCh), Wan Gang, chegou hoje ao Sal, para uma visita de poucas horas, tendo-se manifestado encantado com a ilha turística.

De passagem para a Cidade da Praia, onde também vai se privar com o presidente da Assembleia Nacional, Jorge Santos, Wan Gang, que pela primeira vez visita Cabo Verde, visivelmente radiante, disse em declarações à imprensa que já conhecia a ilha nos seus sonhos e nos livros.

“Nos meus sonhos já conhecia a ilha. É uma ilha cheia de sol, paixão e amizade”, exteriorizou, informando que esta visita ao arquipélago tem como propósito reforçar as relações de amizade e de cooperação entre os dois povos.

Calorosamente recebido no Complexo Educativo de Santa Maria, cuja construção é fruto da cooperação entre Cabo Verde e China, o dirigente chinês, que já foi também professor e presidente de universidade, disse que a visita àquele estabelecimento de ensino trouxe-lhe à memória o tempo de docência, registando com agrado a alegria dos alunos.

“Esta escola tem boa gestão, os estudantes estão felizes, e os professores gabam o desempenho dos alunos”, referiu.

Por sua vez, Austelino Correia, primeiro vice-presidente da Assembleia Nacional, que veio acolher a comitiva chinesa, no Aeroporto do Sal, destacou o facto desta delegação ser composta por gente da área das ciências e tecnologia, que, conforme disse, quer investir no ramo das energias renováveis, de modo a alavancar, cada vez mais, o desenvolvimento do país.

Referindo-se que a China está, igualmente, empenhada em apoiar Cabo Verde no sector da educação, não só a nível do básico, mas também a nível superior, Austelino Correia exemplifica com a construção do campus universitário da UNI-CV, na Cidade da Praia.

“Investir na educação é um pilar importante. E a China está apostada nisso. A China e Cabo Verde querem uma cooperação viva, efectiva… não só construir muros, betões, mas ter também todo o desenvolvimento a nível da educação, o reforço das questões culturais e aprendizagem saudável das crianças”, sublinhou.

Austelino Correia disse esperar que esta visita do vice-presidente do Comité Nacional da Conferencia Consultiva Política Popular da China venha permitir mais cooperação, na área da educação, construção, equipamento, entre outras, e que os empresários cabo-verdianos possam também visitar aquele país asiático e vice versa, e ver com os empresários chineses possíveis áreas de cooperação, sobretudo, a nível do turismo.

“Termos a presença dos chineses no Sal e na Boavista a investir na área turística (…), diversificar para a Ásia, já que os nossos turistas são sobretudo europeus. E aproveitar da capacidade chinesa para desenvolvermos cada vez mais o nosso turismo, e diversificarmos”, concluiu.

Wan Gang, que fez também uma visita de cortesia ao presidente da Câmara do Sal, Júlio Lopes, visitado as salinas de Pedra de Lume, vai esta tarde dar uma volta à cidade turística de Santa Maria.

O dirigente chinês que deverá partir para a cidade da Paria na manhã de sexta-feira será recebido pelo Presidente da Assembleia Nacional, Jorge Santos, devendo-se efectuar uma visita de cortesia ao primeiro-ministro, José Ulisses Correia e Silva, ao Presidente da Republica, Jorge Carlos Fonseca, deputados do Grupo Parlamentar de Amizade Cabo Verde – China, e ao deputado/representante da Comissão Especializada de Relações Externas, Cooperação e Comunidades.

SC/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos