Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Ilha do Sal: Associação Chã de Matias marca “bodas de prata” com conferência

Espargos, 17 Nov (Inforpress) – A Associação Chã de Matias, na ilha do Sal, assinala 25 anos de existência com uma conferência sobre a “Participação das organizações da sociedade civil nas políticas públicas”, a ser realizada na quinta-feira, 25, informou hoje a organização.

A presidente da Associação Chã de Matias, Arminda Lopes, explicou em declarações à Inforpress que a escolha do tema é para mostrar que as organizações da sociedade civil (ONG) estão a fazer um trabalho complementar às actividades das políticas públicas, o seu papel e desempenho nas diferentes áreas, tanto a nível do desporto, educação saúde, entre outras.

“A ideia desta conferência é para mostrar o que as ONG fazem, vêm fazendo e conseguem fazer nas comunidades, a forma como lidamos e actuamos nas diferentes áreas, nomeadamente a nível da protecção social, cultural, desporto, educação, saúde, e várias outras”, sublinhou.

“Políticas que também estamos a desenvolver nas comunidades, com o objectivo de complementar aquilo que o Estado faz ou deve fazer”, acrescentou a líder associativista.

A conferência no âmbito do 25º aniversário da Associação Chã de Matias, completados no dia 5 de Novembro, deverá contar com a participação de diferentes ONG, tanto locais como de outras ilhas, também presença de representantes dos serviços desconcentrados do Estado, na ilha.

A Participação das OSC/ONG nas Políticas Públicas: O ponto de vista dos Gestores Públicos; Intervenção Social das OSC/ONG na área da Infância e da Juventude; Criatividade e inovação em Acções Sociais – As OSC/ONG o Desenvolvimento Sustentável, são alguns temas em debate.

O evento tem como oradores o vereador Jocelino Cardoso, a coordenadora do ICCA local, Queila Soares, o presidente da Plataforma das ONG de Cabo Verde, Jacinto Santos, o representante do PNUD, Steven Ursino, e a responsável da Associação de Crianças de Terra Boa, Landísia Chantre.

SC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos