Ilha do Sal: Assinatura de protocolo marca nova era para empresários angolanos e cabo-verdianos

Espargos, 27 Abr (Inforpress) – A Câmara de Turismo de Cabo Verde e o Núcleo PALOP da Confederação Empresarial rubricaram esta sexta-feira, na ilha do Sal, um protocolo no domínio de negócios entre os empresários angolanos e cabo-verdianos.

A assinatura do documento testemunhado pelo presidente da Câmara do Turismo de Cabo Verde, Gualberto do Rosário, e pelo presidente do Núcleo PALOP, Eliseu Gaspar, aconteceu à margem do acto inaugural do voo das Linhas Aéreas de Angola (TAAG), cujas ligações comerciais Luanda/Sal e vice-versa, iniciam-se na próxima segunda-feira.

Destacando a importância desta parceria que “já existe” e se quer aprofundar, com foco, também, no domínio da formação, Gualberto do Rosário apela, neste sentido, o envolvimento dos empresários de ambos países, mas também de outros Estados africanos, especialmente da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

“O principal significado deste acordo, para além daquilo que iremos desenvolver nos domínios operacionais, na área da formação, por exemplo, é garantir que esta linha que se acabou de abrir, com um significado profundo em matéria de cooperação e parcerias no domínio empresarial, os empresários, tanto cabo-verdianos como angolanos, mas também de outros países africanos, especialmente da CPLP, sejam parte da viabilização desta linha”, exteriorizou.

Por sua vez, o presidente do Núcleo PALOP da Confederação Empresarial, Eliseu Gaspar, almeja, também, que a abertura desta rota, tenha um “cunho mais empresarial”.

“De modo a permitir que o voo seja rentável, que não corra risco de ser suspenso”, apontou.

Em relação ao acordo ora assinado, Eliseu Gaspar explicou que foi um acordo genérico que, entretanto, vai ser depois seguido por acordos específicos nas diversas áreas ligadas ao turismo, a nível dos países que compõem a comunidade, já que um sector transversal.

Ainda, segundo Eliseu Gaspar, uma das principais prioridades desde acordo de cooperação é a criação de escolas de turismo a nível dos Estados membros, por forma a acompanhar essa dinâmica do sector da aviação, a ligação da TAAG que hoje já liga, conforme acentua, seis dos nove Estados membros da CPLP.

O voo comercial Luanda/Sal e vice-versa, inicia-se na próxima segunda-feira, enquanto a Cabo Verde Airlines prepara-se para fazer seu voo estreia, à cidade angolana, em Outubro.

SC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos