Ilha do Maio: Primeiras chuvas registadas na madrugada de hoje permitem arranque das sementeiras  

 

Porto Inglês, 29 Ago (Inforpress) – A ilha do Maio foi bafejada na madrugada de hoje pelas primeiras chuvas deste ano, com precipitações em quantidades diferentes distribuídas pelas diversas localidades que vão permitir o arranque das sementeiras.

Segundo as informações recolhidas pela Inforpress junto da Delegação do Ministério da Agricultura e Ambiente (MAA) na ilha, as chuvas registadas na madrugada desta terça-feira tiveram o seu pico máximo na localidade de Pilão-Cão de Cima, com 45 milímetros, tendo a localidade de Morro sido também bafejada com uma precipitação mínima na ordem dos 07 milímetros.

Técnicos do MAA na ilha disseram à Inforpress que a quantidade de água caída esta terça-feira vai possibilitar aos agricultores fazerem as suas sementeiras e sublinharam, por outro lado, que as primeiras chuvas trouxeram “mais esperança” aos agricultores e criadores de gado na ilha do Maio, onde neste momento praticamente já não possuem reservas de pasto para alimentarem os seus animais.

Fazendo um balanço mais alargado das precipitações de hoje, a delegada do MAA na ilha, Teresa Tavares indicou que na cidade de Porto Inglês chuveu 12,5 milímetros, 26 no Centro Zootécnico, 25 em Cascabulho, assim como 24,5 na localidade de Ribeira D.João, 19 em Chico Vaz na localidade de Figueira e 09 milímetros na localidade de Santo António.

Teresa Tavares disse ainda à Inforpress que a próxima sexta-feira, uma equipa técnica vai estar no terreno para fazer uma prospecção e, caso registarem o nascimento de gafanhotos, possam começar a fazer os primeiros combates e evitar a progressão desta praga nas plantas.

WN/FP

Inforpress/Fim

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos