IGAE já apreendeu cerca de 100 mil litros de produtos de “solução imprópria” para a produção do grogue – inspector-geral

Cidade da Praia, 17 Abr (Inforpress) – A Inspecção-Geral das Actividades Económicas (IGAE) já apreendeu, durante o primeiro trimestre deste ano, cerca de 100 mil litros de produtos de “solução imprópria” para a produção do grogue.

A informação foi avançada hoje, na Cidade da Praia, pelo inspector-geral das Actividades Económicas, Elisângelo Monteiro, em declarações à imprensa à margem de uma visita que os deputados da Rede de Parlamentares para a População e o Desenvolvimento (RPPD) efectuaram à instituição.

Elisângelo Monteiro indicou que, “fazendo um cálculo por alto”, essas intervenções previnem a entrada de mais de 20 mil litros de aguardente falsificado no mercado, o que segundo o responsável, vai dar espaço para o grogue genuinamente produzido.

“O número de pessoas envolvidas na falsificação diminuiu um terço o que dá prova que a fiscalização é um factor importante no combate ao alcoolismo no país”, notou.

O inspector-geral das Actividades Económicas informou, ainda, que a partir do dia 01 de Junho vai iniciar o processo de selagem dos alambiques, avisando que este ano a prorrogação será dada apenas a produtores que justificarem ter matéria prima para a fazer a produção do grogue.

“A fiscalização este ano vai ser um pouco mais rigorosa e ano após ano vai se agravando”, concluiu.

OM/CP
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos