Hospital da Praia promove “Roda de Conversa” para falar da depressão no pós-parto

Cidade da Praia, 06 Abril (Inforpress) – O Hospital Agostinho Neto promove esta sexta-feira, 07, uma “Roda de Conversa” com grávidas e puérperas do serviço da Maternidade para falar da depressão no pós-parto.

O evento organizado, no âmbito do Dia Mundial da Saúde visa, segundo nota de imprensa, visa chamar a atenção da mulher de que ter um filho é um acontecimento importante, mas que pode às vezes, causar preocupação, cansaço e tristeza.

“Esses sentimentos geralmente não duram muito tempo, mas se persistirem, é possível que uma mãe sofra de depressão. A depressão pós-parto é bastante comum e afecta uma em cada seis mulheres que deram à luz. As mulheres são mais afectadas pela depressão do que os homens”, revela a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Em declarações à Inforpress, o psiquiatra Aristides da Luz avançou que a depressão no pós-parto “é comum”, mas que assim como qualquer outra doença exige tratamento, incluindo terapias e medicamentos.

As causas da depressão pós-parto, sublinhou o médico, está relacionado com factores biológicos e sociais, sendo que a mulher neste período passa por alterações biológicas a nível dos harmónios, por stress, ansiedade e adaptação da nova rotina de vida.

Perante estes sintomas, o especialista apelou para a procura de ajuda especializada e apoio familiar, pois, sublinhou, o apoio da família, seja com ajuda aos cuidados da criança, como apoio emocional, é fundamental para ajudar na recuperação da doença.

A roda de conversa contará com a presença de psicólogas do Hospital Agostinho Neto, representantes do Ministério da Saúde e Segurança Social e o Representante da OMS em Cabo Verde, Mariano Salazar Castellón.

PC

Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos