Homenagem: Médico Morris Makar reconhece que seu sucesso profissional foi trabalho de equipa

 

Cidade da Praia, 19 Ago (Inforpress) – O especialista em cirurgia geral Morris Makar reconheceu hoje, na Cidade da Praia, que o sucesso do seu trabalho em Cabo Verde, onde exerceu durante 34 anos, “dependeu muito” da equipa com quem trabalhou.

Morris Makar fez esta consideração na cerimónia de homenagem realizada hoje pelo Governo de Cabo Verde, que lhe atribuiu o galardão com Segundo Grau da Medalha de Mérito Profissional pelo “excelente trabalho” prestado em Cabo Verde, nas últimas três décadas.

“Cheguei a Cabo Verde para prestar serviço durante um ano e acabei por ficar por trinta e quatro anos. Era um país que eu não conhecia, mas acabei por apaixonar por gentes desta terra e pela sua simpatia”, disse.

Na hora de despedia, Morris Makar, que se referiu às lembranças que leva deste povo, manifestou a sua disponibilidade em ajudar o país “no que for preciso” seja como voluntário, como cabo-verdiano ou como egípcio.

Na ocasião, o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, agradeceu ao especialista pelo trabalho desempenhando neste país, enquanto médico, e transmitiu a “gratidão e o reconhecimento” do povo cabo-verdiano.

“A nós orgulha-nos ter uma pessoa como o doutor Morris a trabalhar connosco, além de fazer de tudo e entregasse pelo seu trabalho”, realçou.

Para o ministro da Saúde, Arlindo do Rosário, a homenagem hoje cumprida tem como objectivo “honrar o médico” que chegou a Cabo Verde e cumpriu “os bons ofícios” de médico cirurgião com “muita competência, humanismo e amizade”.

“Morris Makar chegou numa época em que o País precisava de recursos humanos no sector, mas de 1983 até 2017, Cabo Verde mudou para melhor como país em todas as áreas de desenvolvimento humano. O sector de Saúde também mudou e hoje dispomos de uma capacidade de resposta médico-cirúrgica muito superior e em todas as áreas”, lembrou.

Morris Haroun Makar Bashier nasceu na Cidade do Cairo, Egipto, em 1951. É licenciado em Medicina pela Faculdade de Medicina Ain Shams e especialista em cirurgia geral pela Universidade do Cairo (Egipto).

Em Cabo Verde, trabalhou no Hospital Dr. Agostinho Neto, na ilha de Santiago, prestando também serviços nos Hospitais Dr. Batista de Sousa e São Francisco de Assis, nas ilhas de São Vicente e do Fogo, respectivamente.

PC/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos