Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

“Happer” Zé Boss procura meios para “recuperar” a visão perdida há 11 meses

Cidade da Praia, 08 Fev. (Inforpress) – Alfredo de Pina, “Zé Boss”, é um jovem que se identifica como “happer” do grupo musical “RSB Mr Happx” e está a lançar uma campanha de angariação de meios para “recuperar” a sua visão, totalmente perdida há 11 meses.

Aos 29 anos, este adepto do “hip-hop”, nascido e criado na ilha do Fogo, encontra-se na Cidade da Praia, onde tenta recuperar as energias para relançar-se no mundo da música, mas quer antes de tudo angariar meios financeiros para custear uma deslocação à Inglaterra, onde um outro irmão, a padecer da mesma patologia, recuperou a visão.

Assegura que já está na posse do relatório médico e que tem apoio da irmã, a viver em Portugal, para custear todas as despesas relacionadas com a estadia no estrangeiro (consulta, alimentação e transporte), pelo que precisa, neste momento, de financiamento para custear o bilhete de passagem aérea.

À Inforpress, Zé Boss (na foto com t-shirt “Ami É” disse que desde sempre enfrentava problema de visão, o que esclarece como sendo hereditário, e que enxergava apenas 30 por cento, pelo que teve de submeter-se a duas intervenções cirúrgicas, sendo a primeira no olho esquerdo, realizado no Hospital Baptista de Sousa, em São Vicente, por um especialista estrangeiro.

Considera, entretanto, que a segunda cirurgia, realizada no espaço de uma semana, desta feita no Hospital Dr. Agostinho Neto, na Cidade da Praia, “não lhe correu nada bem e que, inclusive foi fatal para perder toda a visão”, o que o afectou psicologicamente, a ponto de isolar-se do mundo ao “trancar-se” em casa durante oito meses.

Graças a esforços do amigo Patrick Marley, elemento do Grupo Musical “RSB Mr Happx”, explica, ganhou forças para entrar na igreja evangélica “Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias”, e passou a saber conviver com esta “triste cegueira, mas esperançado na sua recuperação, para voltar a ver”.

Com três vídeos lançados na plataforma digital “Youtoube”, “Ami É”, “Hip Kessi” e “História de Vista”, todos da sua autoria, numa realização de Ailton e produzido por Gugas Produtions, Zé Boss iniciou há sete anos a sua aventura musical fazendo dupla com o amigo Diamond, para em 2017 juntarem-se a “Taylor” e “Diamond” para constituírem o quarteto “RSB Mr Happx”.

Afirma que o grupo já actuou em vários pontos da ilha do Fogo como a Praça do Presídio, Salina em São Jorge, no Centro Cultural, polivalente Congresso, em Casa Cinema, na sua própria localidade “Beltchess”, e que espera actuar nas festividades de São Filipe, no 1º de Maio.

Zé Boss não vê meios para retomar a sua visão, pois “quer voltar a ver a mãe” e exercer as actividades desportivas que outrora praticava como futebol, voleibol e artes marciais, pelo que deixa ao público a sua conta bancária na CECV 3663740910001 e contacto telefónico 5990205/5134057, convicto de que a solução será encontrada.

SR/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos