Grupo TUI com mais dois megaempreendimentos em Cabo Verde e 1.600 quartos

Cidade da Praia, 09 Mar (Inforpress) – O grupo TUI, um dos maiores operadores turísticos mundiais, confirmou à Lusa que vai abrir mais dois megaempreendimentos em Cabo Verde, no Sal e na Boa Vista, com 1.600 quartos, além dos sete que funcionavam antes da pandemia.

Um desses empreendimentos será o primeiro clube Magic Life em Cabo Verde, com 575 quartos parque aquático e cinco piscinas, distribuído por 108.000 metros quadrados de praia na ilha da Boa Vista, num investimento de 78,4 milhões de euros que criará 431 postos de trabalho directos.

Trata-se de um tipo de empreendimento turístico de quatro estrelas, com todo os serviços incluídos, como programas desportivos e de entretimento, cuja abertura chegou a estar programada para este inverno, mas agora sem data oficial devido à evolução da pandemia de covid-19.

“O TUI Magic Life Boa Vista adiou sua inauguração e a nova data ainda não foi definida”, afirmou à Lusa Evangelos Georgiou, director de comunicação do grupo TUI para os mercados internacionais.

Aquele grupo turístico multinacional com sede na Alemanha é o maior operador turístico em Cabo Verde, sector que garante 25% do Produto Interno Bruto do arquipélago, mas que está parado, devido à pandemia, há praticamente um ano.

Este resort, construído na praia de Chaves, ilha da Boa Vista, será também o primeiro deste género na África ocidental, juntando-se a outros 16 clubes Magic Life da TUI em Espanha, Grécia, Turquia e Norte de África.

Quatro restaurantes, cinco bares, uma área de lazer de 1.600 metros quadrados, um parque aquático para crianças, cinco piscinas, um campo de futebol e oito campos de ténis e voleibol são alguns dos equipamentos incluídos no empreendimento, um dos maiores do género em Cabo Verde.

A este empreendimento soma-se outro já concluído na ilha do Sal, através da marca RIU, com 1.001 quartos e um investimento superior a 100 milhões de euros para criar mais de 600 empregos, cuja abertura chegou a estar prevista para Fevereiro e o arranque das vendas para este mês.

De acordo com Evangelos Georgiou, a inauguração do RIU Palace Santa Maria, de cinco estrelas e que funcionará em regime de “tudo incluído 24 horas por dia” e que além de cinco piscinas terá um parque aquático, está agora programada para a “primavera” deste ano.

O portfólio do grupo TUI em Cabo Verde é composto por sete empreendimentos hoteleiros, dos quais cinco hotéis RIU, um Robinson Club e um TUI Blue, que funcionava antes da pandemia de covid-19.

Depois de um recorde de 819 mil turistas em 2019, Cabo Verde perdeu, segundo estimativas do Governo, mais de meio milhão de turistas em 2020, devido à pandemia, estimando iniciar a recuperação da atracção turística, sector que garante 25% do Produto Interno Bruto (PIB) cabo-verdiano, ao longo de 2021.

Inforpress/Lusa

Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos