Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Governo tem feito um “enorme esforço” para a implementação “cabal” da BAGAIA em Cabo Verde – ministro

Cidade da Praia, 31 Out (Inforpress) – O ministro do Turismo, Transportes e Economia Marítima afirmou hoje que o Governo tem feito um “enorme esforço” para a implementação “cabal” da BAGAIA em Cabo Verde.

José Gonçalves fez essa afirmação no encerramento da IV reunião da Comissão da Agência de Investigação de Acidentes (BAGAIA), que aconteceu durante dois na cidade da Praia,

“O Governo da Cabo Verde, ciente da importância que a BAGAIA desempenha a nível dos países da nossa sub-região, tem feito um enorme esforço para a implementação cabal da agência no país”, precisou o governante.

Para isso, segundo o José Gonçalves, está a se criar todas as condições físicas necessárias para albergar o novo comissário da BAGAIA “no seu alto desempenho em termos de liderança da agência.

“O nosso Governo contínua consciente do seu papel na estratégia dos transportes aéreos na região e tudo vai fazer para que a sua posição esteja de acordo com os objectivos maiores da BAGAIA e dos Estado membros”, prometeu.

Por outro lado, José Gonçalves disse acreditar que há um ambiente propício para a promoção de mudanças que podem fazer a diferença na luta a favor da segurança nos países da África Ocidental.

“A boa vontade internacional e as normas existentes estão a favor e, por isso, há a necessidade de criação de parcerias entre os Estados e as instituições para a segurança na região”, notou.

Em relação à esta IV reunião considerou que foram dados passos importantes na implementação de decisões e medidas para o fortalecimento da cooperação e parcerias entre os Estado membros.

Para concluir, José Gonçalves reafirmou o “genuíno propósito” de Cabo Verde em continuar a impulsionar uma dinâmica empreendedora em prol da segurança no sector da aviação civil.

Durante o encontro, o engenheiro nigeriano Charles Irikese Erhueh foi empossado como o primeiro comissário da Agência Regional de Investigação de Acidentes.

A Agência de Investigação de Acidentes Aéreos (BAGAIA) é um organismo independente do Grupo de Apoio de Banjul (BAG), criado em 2009, na 10ª sessão ordinária dos ministros responsáveis pela aviação civil, que decorreu em Banjul, Gâmbia, e tem como membros Cabo Verde, Gâmbia, Gana, Guiné Conacri, Libéria, Nigéria e Serra Leoa.

OM/JMB/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos