Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Governo quer plano de acção do Open Government Partnership pronto entre Setembro e Outubro próximo

 

Cidade da Praia, 16 Mai (Inforpress) – O Governo pretende ter o plano de acção do Open Government Partnership (OGP) pronto entre Setembro e Outubro, para poder apresentá-lo no encontro a ter lugar em Nova Iorque, à margem da Assembleia Geral das Nações Unidas.

A informação foi avançada hoje à imprensa, na Praia, pelo ponto focal do executivo com o OGP, Arolde Tavares, à margem do “Workshop OGP”, explicando que o plano devia ter sido feito desde Julho de 2015, altura em que foi concretizada a adesão do país à iniciativa multilateral internacional.

Segundo ele, como membro, o país tem obrigações a cumprir, sendo esse plano de acção, que está a ser desenvolvido baseado no Programa do Governo, uma delas, e que deve ser apresentado de dois em dois anos, como um compromisso do Governo para com a sociedade cabo-verdiana.

“Escolhemos cinco compromissos do Programa do Governo que vai constar neste plano, mas com este workshop, queremos que a sociedade contribua no desenvolvimento desse plano e inserir mais compromissos”, disse, indicando o E-government e a regionalização como alguns desses compromissos, juntamente com a questão da anti-corrupção e a saúde, em que o Ministério da Saúde quer eliminar a evacuação de doentes.

Arolde Tavares reiterou que, o “Workshop OGP”, que conta com representantes do Governo, sociedade civil e sectores público e privado, pretende não só ser um fórum de apresentação desta parceria, mas também servir para recolher contribuições que permitam construir o plano de acção do país.

O workshop é ministrado por uma equipa multidisciplinar do grupo de apoio do OGP, composta pelo diretor executivo, Joseph Powell, a coordenadora da Sociedade Civil para África e Médio Oriente, Maureen Kariuki, e pelo oficial de Apoio e Intercâmbio Governamental para África, Theophilous Chiviru.

O Open Government Partnership (Parceria de Governo Aberto), lançado em 2011 pelo Presidente Obama e outros presidentes que fazem parte do G20, conta com mais de 70 países membros e visa difundir e incentivar globalmente práticas governamentais relacionadas com a transparência dos governos, acesso à informação pública e participação social.

DR/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos