Futebol/Mundial´2018: Stopira e Hélder Tavares focados no treino prometem dar “o máximo” no campo

 

Cidade da Praia, 04 Out (Inforpress) – Os futebolistas cabo-verdianos Stopira, do Videoton (Hungria) e Hélder Tavares, do Tondela (Portugal), estão focados nos treinos prometem dar o máximo dentro do campo para vencer a partida entre Cabo Verde e Senegal, no próximo sábado, 07.

Destacados para falar à imprensa antes do terceiro dia de treino dos Tubarões Azuis, no Estádio Nacional, o defesa Stopira e o médio central, Hélder Tavares estão a encarar este desafio com “muita garra” e com “mais união” no grupo.

“Sabemos que Senegal é uma equipa muito forte, com jogadores muito altos, por iosso temos que ter atenção em certos pontos, mas estamos focados em nós, porque, não podemos focar só no adversário. Temos que focar em nós e, no que somos melhor a fazer dentro do campo”, disse Hélder Tavares.

Hélder Tavares, que na semana passada marcou o golo de empate no jogo entre Tondela e Chaves, disse que agora o foco é na selecção nacional, por isso promete dar o seu máximo, caso esteja na seleção final do treinador, Lúcio Antunes.

Para o médio central, apesar de Cabo Verde ter iniciado a competição com derrotas, agora já somam duas vitórias consecutivas e isso é sinal de que sempre acreditaram que era possível.

“Nós sempre acreditamos e não podemos dizer que estávamos em baixo, porque os resultados não eram bons, mas sempre assim acreditamos (…) e agora mais do que nunca, o povo tem que estar connosco para que todos façamos a festa no final do jogo”, sublinhou.

O defesa Stopira, por seu turno, disse que estão com “ânimos elevados” e juntos estão a preparar esse jogo com a “máxima força” para que no sábado, concedam aos cabo-verdianos mais uma vitória.

Apesar de o Senegal ter vencido Cabo Verde no primeiro jogo por duas bolas a zero, Stopira ressalvou que os jogadores não estão a pensar numa desforra, mas sim estão a preparar para jogar o seu jogo e vencer em casa.

“Esperamos um jogo difícil, porque Senegal é um adversário forte. Mas independentemente do nosso adversário, o que me preocupa é o que vamos fazer, por isso estamos focados no nosso trabalho e todos os dias fazer um bom treino e chegar no dia do jogo em máxima força para poder ganhar a partida”, afirmou.

Os jogadores da selecção de Cabo Verde esperam que os cabo-verdianos enchem o estádio neste sábado, e voltem a ser um povo unido e apoiem a bandeira nacional do primeiro ao último minuto do jogo.

Em mais um dia de treino, o treinador Lúcio Antunes contou com a presença dos 21 convocados. João Paulo (Tchadense) e Nilson (Boavista da Praia) também participaram no treino e deverão continuar a fazê-lo até sexta feira, por indicação do selecionador nacional.

A nível do quadro clínico, segundo informações da equipa médica, não há nada a registar.

O jogo Cabo Verde – Senegal conta para a 5ª jornada do Grupo D, que Cabo Verde lidera juntamente com o Burkina Faso, ambos com seis pontos, seguido do Senegal, com cinco pontos, e da África do Sul, com apenas um ponto.

O comissário da FIFA, a equipa de arbitragem e parte de delegação senegalesa, liderada pelo vice-presidente da Federação Senegalesa de Futebol já estão na Praia desde terça-feira e está prevista a chegada da seleção do Senegal para as 11:00 desta quinta-feira.

AM/FP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos