Futebol/Inter-Ilhas: Capitão de Santiago diz que segredo da vitória foi “muito trabalho, luta e sacrifício”

Ribeira Brava, 16 Jul (Inforpress) – O capitão de Santiago, Madjer, disse hoje, em declarações à Inforpress, que o segredo da conquista da XIIª edição da Taça Independência, disputada em São Nicolau, foi “muito trabalho, luta e sacrifício”.

“Não foi fácil, mesmo na escolha dos pré-convocados, e hoje estamos a comemorar a conquista do quinto Inter-Ilhas para Santiago, graças ao trabalho, dedicação e muito sacrifício”, afirmou o defesa central.

Segundo Madjer, Santiago está de parabéns. “Apesar das críticas de pessoas que disseram que não venceríamos. Porém, tínhamos fé, pés no chão, humildade e respeito a todos os adversários, inclusive, Santo Antão, uma boa equipa, que não foi fácil vencer na final”, completou”.

O capitão de Santiago aproveitou ainda para agradecer ao seu treinador, Humberto Bettencourt, e aos seus colegas de equipa, com quem, disse, juntos acreditaram até ao fim.

“Dedico ao meu filho, aos meus familiares e a todos os santiagueses. Agora é comemorar com os meus colegas”, finalizou.

A selecção de Santiago conquistou hoje o penta na Taça Independência (Inter-Ilhas), ao vencer o colectivo de Santo Antão por 2-1, na final disputada hoje à tarde, no Estádio Orlando Rodrigues, em Tarrafal de São Nicolau.

Com esta vitória, Santiago iguala São Vicente em números de títulos, cinco, ao passo que Sal e Fogo têm uma conquista cada no cômputo das 12 edições já realizadas.

A Taça Independência, ou torneio Inter-Ilhas, prova da Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF), arrancou do dia 05 deste mês, em Ribeira Brava, e terminou hoje no Tarrafal de São Nicolau. Estiveram envolvidas as selecções regionais das nove ilhas habitadas, mais a Diáspora, que nesta edição esteve representada pelos Estados Unidos.

GSF/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos