Futebol/Fogo: São Jorge e Monte Tabor disputam quarta-feira a final do torneio de São Lourenço

São Filipe, 08 Ago (Inforpress) – As equipas de São Jorge e de Monte Tabor qualificaram-se no final de semana para a fase final do torneio de futebol inter-zona São Lourenço 2022, marcada para a próxima quarta-feira, 10.

A equipa de São Jorge qualificou-se para a fase final ao vencer a sua congénere de Lomba por 1-0, em jogo disputado no sábado, 06, enquanto a equipa de Monte Tabor só conseguiu o apuramento na lotaria de grandes penalidades depois de um empate (0-0) com a formação de Santo António.

Na transformação das grandes penalidades, a equipa de Monte Tabor, que nos quartos de finais tinha eliminado a equipa de Galinheiro também nas grandes penalidades, voltou a converter mais penáltis do que a equipa de Santo António, tendo transformado quatro penalidades contra duas da equipa contrário.

A final está agendada para as 16:00 de quarta-feira, 10, no campo de São Lourenço, antecedida da final do torneio quadrangular.

Ainda no quadro das festividades de São Lourenço, hoje inicia-se o torneio quadrangular de futebol com os jogos Velhas Glórias de São Filipe – Velhas Glórias de São Lourenço e Cutelinho, da comunidade emigrada nos Estados Unidos da América – Benfica de Brava.

Com relação a actividades culturais estão programadas duas noites de festivais, sendo que na primeira actuam artistas e grupos como Askio, Fogo em Chama, Boy Game, PCC, MCAcondize, DJ Straga e Tony Fika e na segunda noite DJ Cash, Breka, Ferro Gaita, Kobom Side e Garry.

O festival organizado pela autarquia de São Filipe em parceria com a Fogo Entertainment, recorda-se, homenageia o artista foguense e tocar de gaita, Teodolindo Ledo Pontes, mais conhecido por Minó di Mámá.

Ele nasceu a 02 de Março de 1917 na freguesia de São Lourenço, concelho de São Filipe, ilha do Fogo, Minó foi um exímio tocador de gaita e autor de uma das músicas mais populares da ilha do Fogo “Minó di Mámá” em que ele canta a si próprio dizendo: “Minó di Mámá, mundo krebu ki fari bu má”, o homenageado faleceu em 2004, há 18 anos.

JR/AA

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos