Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Futebol Clube Ultramarina ganha recurso à Federação Cabo-verdiana de Futebol

Cidade da Praia, 14 Jul (Inforpress) – O Conselho de Disciplina da Federação Cabo-verdiana de Futebol, considerou “improcedente” o processo instaurado ao Ultramarina em relacção ao jogo da primeira mão das meias-finais do campeonato nacional de Cabo Verde, em São Nicolau, “inviabilizado pela falta de chaves dos portões do Estádio”.

É que os membros do CD reunidos a 12 de Julho basearam nos relatórios da equipa de arbitragem e dos delegados ao jogo, entretanto não realizado, e “acordaram em considerar improcedente por não provada, a acusação deduzida contra o Futebol Club Ultramarina, e em consequência, mandar arquivar o processo”.

Na contestação à própria FCF, valeu o argumento do Futebol Clube Ultramarina, segundo o qual, ao abrigo do artº 8 da prova, a responsabilidade da organização dos jogos é única e exclusiva da Federação, tendo o Ultramarina refutado também a nota de culpa sobre o estádio, sustentando que o mesmo é propriedade da Câmara Municipal do Tarrafal de São Nicolau.

A direcção do Futebol Clube Ultramarina contestara o processo que lhe tinha sido instaurado pela Federação Cabo-verdiana de Futebol sobre a não realização do jogo da primeira mão das meias-finais, solicitando a sua nulidade e arquivamento.

O FC Ultramarina fundamenta que não houve qualquer deliberação do Conselho de Disciplina como órgão colectivo, por entender que a presidente deste órgão foi quem, sozinho, instaurou o processo disciplinar em causa.

Acontece que em jogo da segunda mão das meias-finais, realizada em São Vicente, sem que, entretanto, a primeira fosse realizada, a equipa da Ultramarina foi a São Vicente bater o Mindelense por 0-2.

Com esta sentença o jogo da primeira-mão da final previsto para este sábado, 15, volta a ser adiado para uma nova dada a indicar.

O Sporting da Praia já tem o seu lugar assegurado na final da edição 2017/18, ao eliminar a Académica do Porto Novo com vitória por 1-0 na Várzea, após empate a uma bola em Santo Antão.

SR/FP

Inforpress/Fim

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos