Futebol: Antigo internacional cabo-verdiano congratula-se com aposta na criação das selecções de base

Cidade da Praia, 31 Jan (Inforpress) – O antigo internacional cabo-verdiano Nelo Tambarina considerou hoje que a criação de selecções de base foi uma “grande aposta” da federação nacional de futebol de modo ter uma continuidade do combinado principal.

Em declarações a Inforpress, via Internet, o antigo futebolista, que residente nos Estados Unidos, defendeu que, doravante, o futuro da selecção pode estar garantido, desde que haja um trabalho de continuidade.

“Uma optima ideia criar uma boa base para o futuro, embora seja muito complicado para os jogadores residentes, por isso tem que se criar escolas de futebol, que contam com apoio do Governo e da própria UEFA”, notou Nelo Tambarina, que já foi capitão da selecção de Cabo Verde.

Sobre a selecção principal, que ainda tem chance de apurar para o Campeonato Africano das Nações (CAN) de 2019, cuja fase final decorrerá no Egipto, disse que a equipa “podia fazer mais” e que, mesmo assim, demonstrou ter condições de marcar presença na fase final.

“Uma selecção que já ganhou Camarões, Tunísia e empatou com África do Sul tem sempre condições de estar presente num CAN”, frisou o antigo defesa-central do Desportivo, Boavista e Sporting da Praia.

Nelo Tambarina, que defendeu a selecção de Cabo Verde de 1992 a 1997, conta nove internacionalizações, e, enquanto jogador, destacava-se pela sua qualidade no jogo aéreo.

Em Cabo Verde, o central do Bairro de Achada Santo António conquistou cinco campeonatos de Santiago e dois títulos de campeão de Cabo Verde, com o Boavista da Praia, na época 1994-95, e o outro com o Sporting da Praia, em 1988-99.

Nos Estados Unidos, desde 1999, Nelo representou o Dínamo da Brava, a Juventude de RI, e Fidjos Terra.

OM/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos