França apreende 1,7 toneladas de cocaína no Golfo da Guiné

Paris, 24 Mai (Inforpress) – A marinha francesa anunciou hoje que, na madrugada de sábado, apreendeu 1,7 toneladas de cocaína, no valor superior a 50 milhões de euros, escondida em fardos num barco de pesca no Golfo da Guiné.

De acordo com a agência francesa de notícias, a France-Presse (AFP), que cita o Ministério Público da cidade francesa de Brest, a apreensão foi feita por um navio da marinha francesa que patrulha regularmente as águas da costa ocidental de África, numa região que inclui os países lusófonos Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe e Guiné Equatorial.

“A verificação documental não permitiu determinar a nacionalidade do navio, por isso o barco foi declarado como sem bandeira”, explicou o Ministério Público de Brest numa declaração citada pela AFP.

O barco de pesca tem cerca de 20 metros e estava a ser seguido pela marinha francesa, que descobriu a droga depois de subir a bordo do navio na madrugada de sábado.

“Após a contagem dos fardos, a captura representa cerca de 1.730 kg de cocaína no valor de mais de 50 milhões de euros, de acordo com as estimativas do Gabinete Anti-Drogas”, acrescentaram as autoridades francesas.

Desde 1990, a França tem vindo a destacar uma ou mais embarcações, como parte da missão Corymbe, numa base quase permanente no Golfo da Guiné, para ajudar a proteger os interesses franceses na área e contribuir para reduzir a insegurança marítima.

Inforpress/Lusa

Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos