Forças Armadas comemoram 56º aniversário com várias actividades nos comandos e guarnições do País

Mindelo, 05 Jan (Inforpress) – As Forças Armadas de Cabo Verde comemoram os seus 56 anos de existência com várias actividades militares, desportivas e culturais durante todo o mês de Janeiro nos três comandos e guarnições da instituição castrense.

A programação, conforme informações do Centro de Informação e Relações Públicas da instituição castrense, deveria arrancar na quarta-feira, 04, com jogos de mesa realizados no comando da Guarda Costeira, em São Vicente, e da Guarnição do Estado Maior das Forças Armadas, em Santiago, que decorrem até dia 12.

No sábado, 07, estão agendadas a realização de feiras de saúde em localidades como Calhau (São Vicente), Santa Maria (Sal) e Achada Mato, Cidade da Praia (Santiago) e ainda exposições de fotografias históricas em diferentes pontos do País e concursos de cultura geral.

A data vai ser também assinalada com uma palestra sobre a “História da luta de libertação nacional, das Forças Armadas e o papel da Mulher na luta da independência nacional” e uma conferência subordinada ao tema “A Segurança internacional e o papel da defesa nacional, recentrado na defesa nacional na actualidade” a terem lugar no Campus da Universidade de Cabo Verde (Uni-CV) e da Universidade Lusófona de Cabo Verde, respectivamente, ambos em São Vicente.

O ponto acto da celebração acontece no dia 15, Dia das Forças Armadas nacional, com um acto central, na Avenida Cidade de Lisboa, na Praia, e ainda cerimónias no Comando da 1ª Região Militar e Comando da Guarda Costeira, em São Vicente, e no Comando da 2ª Região Militar, na ilha do Sal, que, segundo o Centro de Informação e Relações Públicas, devem acontecer à mesma hora.

“A celebração do 56º aniversário das Forças Armadas vai ser realizada com grande esplendor e honras dando seguimento à comemoração dos anos anteriores, com um leque de actividades militares, culturais, cívicas e desportivas a nível nacional”, assegurou.

O objectivo, conforme a mesma fonte, é demonstrar a importância da existência das Forças Armadas e a contribuição dos seus efectivos e colaboradores em prol do progresso da instituição castrense e do desenvolvimento da sociedade cabo-verdiana.

A comemoração da efeméride, que se deve prolongar até dia 28 de Janeiro, contempla ainda gala cultural, palestras, corrida das Forças Armadas, visita a sítios históricos e várias outras actividades.

A história das Forças Armadas precede a independência nacional, remontando a meados dos anos 60, mais concretamente a 15 de Janeiro de 1967, data em que um grupo de jovens cabo-verdianos prestou, em Cuba, perante Amílcar Cabral, o juramento de fidelidade à luta de libertação de Cabo Verde, fosse em que circunstâncias fosse, afirmando-se dispostos “ao sacrifício supremo, se necessário, para se poder alcançar a liberdade da Pátria, bem como o seu desenvolvimento e engrandecimento”.

LN/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos