Fogo/Futebol: Vulcânico goleia Botafogo e fica à espreita do resultado da Académica – Baxada para se sagrar campeão

 

São Filipe, 22 Abr (Inforpress) – O Vulcânico goleou hoje o Botafogo por 5-0 no jogo da abertura da décima oitava jornada, última, do campeonato regional do primeiro escalão e fica à espreita do resultado entre Académica – Baxada, para ver se revalida o título.

Com esta goleada imposta ao Botafogo, que no dizer dos adeptos da Académica, foi facilitada por aquela formação, o Vulcânico passa a somar 45 pontos e em caso de vitória da Académica frente a Baxada, as duas equipas ficam em igualdade pontual.

O primeiro critério para o desempate entre as duas equipas não está preenchido já que as duas partidas envolvendo Vulcânico e Académica resultaram em empates (2-2 na primeira volta e 1-1 na segunda volta), devendo, por isso, passar ao critério de diferença de golos.

Assim, neste momento, o Vulcânico tem um saldo positivo entre golos marcados e sofridos, de 17 golos em relação a Académica, que para se sagrar campeão regional da época terá além de vencer, golear a equipa de Baxada, por um mínimo de 18 golos de diferença.

Quer o Vulcânico, que tentou que os jogos fossem realizados no mesmo dia e hora para evitar a combinação de resultados, como Académica, que só joga no domingo, acusam-se mutuamente de “compra de jogos e de resultados” e é visível em São Filipe vários dirigentes a abordarem jogadores, numa espécie de “boca de urna”, para usar a linguagem política.

Assim, o Vulcânico pode revalidar o título e conquistar assim o seu décimo título na pós-independência, já que foi campeão em 1993/94, 1997/98, 1998/99, 1999/2000, 2003/2004, 2006/2007, 2008/2009, 2010/2011 e 2015/16.

Já a Académica para se sagrar campeão regional, título que lhe foge há três épocas, terá de goelar Baxada de Cova Figueira por 18 golos de diferença, sendo que a equipa de Baxada, esta época já sofreu algumas goleadas que lhe valeu a despromoção ao segundo escalão, sendo a mais pesada a sofrida frente ao No Pintcha, por 11-4.

Caso consiga conquistar o título da época 2016/17, a Académica arrecada assim o seu 14º título regional, pois foi campeão em 1984/85, 1986/87, 1987/88, 1990/91, 1992/93, 1994/95, 1996/97, 2001/2002, 2003/04, 2007/08, 2011/12, 2012/13 e 2013/14).

O Botafogo continua a ser a equipa do Fogo com melhores palmares, 17 títulos regionais e um nacional, seguido da Académica com 14, Vulcânico com 9 títulos, Juventude, Cutelinho e Spartak com um título cada.

JR/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos