Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Fogo: Terceira edição da Corrida do Café dominada por atletas de Santiago

Cidade de Igreja, Mosteiros,  23 Abr (Inforpress) – A terceira edição da Corrida do Café realizada hoje com partida na zona alta dos Mosteiros e meta na Cidade de Igreja foi dominada por atletas da ilha de Santiago.

Com a participação de cerca de 50 atletas de cinco ilhas, a prova masculina foi ganha pelo Internacional Samuel Freire, atleta do Benfica de Portugal, com o tempo de 18 minutos e 42 segundos, seguido de Artur Silva, de São Vicente, com o tempo de 19 minutos e 08 segundos e de Gil Mendes, de Assomada, com o tempo de 19 minutos e 10 segundos.

A nível feminino, os três primeiros lugares foram ocupados por atletas de Santiago, nomeadamente Jessarra Xavier (Assomada), com o tempo de 09 minutos e 58 segundos, Ana Furtado (Assomada) com o tempo de 10 minutos e 29 segundos e Tatiana Lopes (Ribeira Grande de Santiago) com 10 minutos e 59 segundos.

A nível masculino os prémios são de 12, oito e seis mil escudos, prémios de três mil para atleta mais jovem e cinco mil para melhor atleta residente, assim como prémio de participação a todos.

No feminino, os prémios são de nove, seis e quatro mil escudos, dois mil para atleta mais jovem, quatro para melhor atleta residente e mil de participação as demais atletas.

O vereador do Desporto, Nelson Rodrigues, disse à Inforpress que a corrida superou as expectativas porque, quando em Fevereiro decidiu pela sua organização já estava com atraso, mas ainda assim conseguiu montar toda a logística para que fosse possível a participação de 40 atletas de entre locais, regionais, nacionais e até internacional.

Disse esperar que a edição deste ano seja um trampolim para marcar, definitivamente, a Corrida do Café na agenda do desporto nacional e do atletismo, sublinhando que a partir da próxima edição quer que a corrida seja uma jóia de coroa do atletismo no Fogo e em Cabo Verde.

Os atletas vencedores mostraram-se satisfeitos com a organização da prova e pela forma como decorreu.

JR/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos