Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Fogo/Tartarugas Marinhas: Número de rastos e ninhos identificados superam o do ano passado – Projecto Vitó

São Filipe, 15 Set (Inforpress) – O número de rastos e ninhos identificados nos três meses de campanha de desova de tartarugas marinhas na reserva integral de Ilhéus Rombos e na ilha do Fogo supera o registo do ano passado.

Os dados referentes aos primeiros três meses da campanha, que termina a 15 de Outubro, avançado à Inforpress pela Associação de Conservação e Uso Sustentável dos Recursos, Projecto Vitó, indicam que foram registados cerca de sete mil ninhos de desovas e perto de 16 mil rastos.

A coordenadora do projecto conservação das tartarugas marinhas na ilha do Fogo e nos Ilhéus Rombos do Projecto Vitó, Carla Lopes, avançou que nos Ilhéus foram registados 11.979 rastos e 5.139 ninhos, e na ilha do Fogo, 3.834 rastos e 1.623 ninhos.

Segundo a mesma fonte, a nível da ilha do Fogo, dos 3.824 rastos, a maioria aconteceu nas praias do município de São Filipe, com 2.216, seguido dos Mosteiros, com 664, e Santa Catarina do Fogo, com 347.

Quanto aos ninhos, no município de São Filipe foram contabilizados 1.172, nos Mosteiros um total de 274 e Santa Catarina com 177.

A nível de captura ilegal, o projecto contabilizou até este momento um total de 34 casos, sendo que a maioria ocorreu nas praias do município de São Filipe.

Carla Lopes indicou ainda que muitos dos ninhos já eclodiram, mas que ainda não estão contabilizados.

JR/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos