Fogo: Secretária de Estado da Inclusão Social reconhece necessidade de reforçar projectos em curso em São Filipe

São Filipe, 06 Jun (Inforpress) – A secretária de Estado da Inclusão Social, Lídia Lima, reconheceu hoje, ao iniciar a sua primeira visita à região Fogo/Brava, a necessidade de reforçar ainda mais os projectos sociais em curos no município de São Filipe.

A responsável pela área de Inclusão Social deu esta indicação depois de um encontro de trabalho com o presidente da autarquia de São Filipe, Nuías Silva, justificando o reforço tendo em conta a situação actual em que muitas famílias estão a passar por dificuldades acrescidas, sublinhando que a parceria existente com a autarquia precisa também de ser melhor aperfeiçoada.

Lídia Lima disse que já tinha conhecimento da realidade do município de São Filipe e dos muitos projectos sociais em andamento e que estão sendo implementados pela câmara municipal, com apoio do Ministério da Família, através dos contrato-programa e no âmbito da municipalização dos serviços.

“O contexto actual apela para novos desafios, sobretudo na área social”, disse a responsável pela Inclusão Social, observando que é neste sentido que as duas partes passaram em revista a forma como estão a ser implementados os projectos para ver aquilo que precisa ser melhorado em relação ao seu funcionamento, ao reforço de garantia de benefícios às populações que mais precisam e os novos projectos que precisam ser implementados neste município.

A mesma fonte destacou os projectos em execução como a inclusão produtiva, do pré-escolar, apoio integrado das famílias, tendo a câmara municipal apresentado desafios na área do pré-escolar, nomeadamente, a reabilitação de jardins e o projecto para a ocupação dos jovens, crianças e adolescentes.

O presidente da Câmara Municipal de São Filipe, Nuías Silva, disse esperar das entidades governamentais que visitam o município respostas às questões que os munícipes enfrentam diariamente e que têm a ver com “enormes dificuldades” para satisfazer as demandas da população sobretudo numa área tão sensível como a social.

“A reunião serviu para revisar alguns projectos em curso, analisar algumas situações pendentes em relação ao Ministério no que diz respeito ao cumprimento das transferências de verbas dos contratos-programa e que são importantes para continuar a realizar os compromissos protocolizados”, referiu o autarca.

Além disso analisou com a secretaria de Estado de Inclusão Social novos projectos, nomeadamente o do centro de recuperação dos toxicodependentes ligados ao projecto vida, apoio às famílias, sobretudo de classe um e dois, que têm crianças nos jardins infantis e que precisam de apoios para manterem as crianças nos jardins e projectos que outras câmaras municipais beneficiam e que São Filipe não tem beneficiado.

Para Nuías Silva o diálogo institucional e a colaboração podem ajudar a resolver pequenas questões pendentes para dar respostas mais assertivas ao sector social que a pandemia e a crise fizeram aumentar as demandas e pressões sobre as câmaras municipais.

A secretaria de Estado desloca-se hoje à noite à ilha Brava e regressa na quarta-feira para dar continuidade à visita à ilha do Fogo com deslocações aos municípios de Mosteiros e de Santa Catarina do Fogo.

JR/HF

Inforpress/Fim

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos