Fogo: Protocolo de cooperação descentralizada entre Fogo e Lanzarote celebrado hoje em Chã das Caldeiras

 

São Filipe, 25 Abr (Inforpress) – Um protocolo de cooperação descentralizada as ilhas do Fogo (Cabo Verde) e de Lanzarote (Canárias) é celebrado esta terça-feira em Chã das Caldeiras entre os três autarcas da ilha e o Cabildo de Lanzarote.

A delegação de Lanzarote chega no início da tarde à cidade de São Filipe, devendo se deslocar de imediato a Chã das Caldeiras, onde a equipa técnica que participou na elaboração do plano de emergência de ordenamento de Chã das Caldeiras fará a sua apresentação.

Segundo o programa, a delegação que integra o Cabildo de Lanzarote e responsáveis de três dos municípios desta ilha vai ser recebida à entrada do Parque Natural com grupos locais.

A anteceder a assinatura do protocolo entre as duas ilhas, e além da apresentação do plano de emergência do ordenamento de Chã das Caldeiras, será igualmente apresentado o projecto para adega definitiva de Chã, que conta com a colaboração de técnicos das ilhas Canárias, demonstração de vida cultural e económica de Lanzarote e noite cultural, além dos discursos de boas vindas e das intervenções do Cabildo de Lanzarote e do primeiro-ministro.

Para o dia 26, quarta-feira, está prevista uma visita aos municípios de Santa Catarina e dos Mosteiros, com paragem no Paços de Concelho de Santa Catarina, em Cova Figueira, onde vai ser celebrado o protocolo de geminação entre a edilidade de Santa Catarina e o Ayuntamiento de San Bartolomeu de Lanzarote, deslocando-se depois aos Mosteiros onde, no início da tarde, será celebrado um protocolo entre a Câmara dos Mosteiros e o Ayuntamiento de Haria, Lanzarote.

Segundo uma nota de imprensa da edilidade dos Mosteiros, o protocolo de geminação visa formalizar e reforçar as relações de amizade existentes entre as duas autarquias e promover o desenvolvimento social e económico das respectivas populações.

A cooperação e o intercâmbio entre Mosteiros e Haría, por exemplo, fundamentar-se-ão no desenvolvimento de programas, projectos, eventos e actividades em todos os domínios considerados de interesse relevante para ambas as partes, nomeadamente, o apoio institucional, a partilha de boas práticas, a organização e modernização dos serviços, a transferência de competências e know-how em matéria da governança municipal, o turismo e o desenvolvimento empresarial, a cultura e o desporto, a urbanização e a agricultura.

O protocolo prevê a realização de acções e diligências tendentes ao intercâmbio entre colectividades, cooperativas, associações e outras expressões organizativas de ambos os municípios de modo a promover uma efectiva participação das populações dos dois municípios no desenvolvimento e consolidação da parceria entre os dois municípios.

No dia 27, quinta-feira, será a vez do município de São Filipe celebrar o protocolo de geminação com Ayuntamiento de Teguise, ao que se segue a uma visita guiada ao centro histórico da cidade de São Filipe.

A delegação das Ilhas Canárias participa igualmente nas festividades de São Filipe, antes do regresso à cidade da Praia.

JR/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos