Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Fogo: PM promete transformar Salinas num ponto de referência de turismo para a ilha e para o país

São Filipe, 13 Jul (Inforpress) – O primeiro-ministro (PM), José Ulisses Correia e Silva, prometeu segunda-feira transformar a estância balnear de Salinas num ponto de referência de turismo para a ilha do Fogo e para Cabo Verde.

O governante que presidia à inauguração do projecto de electrificação da estância balnear, enquadrado nas actividades comemorativas do 99º aniversário da elevação de São Filipe à categoria de cidade, disse que Salinas tem todas as condições naturais para ser uma zona de referência, salientando que é preciso fazer mais trabalho.

“Na comemoração dos 100 anos da elevação de São Filipe à categoria de cidade estaremos aqui para fazer a entrega completa das obras da estância balnear de Salinas”, disse o primeiro-ministro, apontando a estrada que, segundo o mesmo, precisa ser melhorada e como o troço não é muito longo poderá ser asfaltado até chegar a Salinas.

Este indicou também que o arrastadouro, que é importante para os pescadores, já foi identificado as necessidades para a sua melhoria e as intervenções nas infra-estruturas para transformar a piscina natural numa zona segura.

O Governo quer investir em boa parceria com a câmara municipal para colocar Salinas no mapa turístico do Fogo e de Cabo Verde, lembrando que não é por acaso que a União Europeia associou-se a este empreendimento desde o início, assim como o Fundo do Turismo, sublinhando que tudo isso está associado ao facto de Salinas dispor de um potencial grande e que se pretende transformar numa realidade.

Para tal, explicitou, é necessário completar os investimentos que estão a ser feitos e depois devolver à população, aos empreendedores, pescadores e à própria comunidade uma localidade com valor acrescentado que gera mais emprego, rendimento e empreendimentos.

Este disse que já tem em mãos o relatório de uma equipa técnica das Infra-estruturas de Cabo Verde que evidencia todas as intervenções a serem realizadas.

Com relação à electrificação de Salinas, Ulisses Correia e Silva considerou-a “importante”, lembrando que a energia e a água são maiores benefícios que se possa disponibilizar à população não só para o seu bem-estar, mas também para a sua economia.

Por sua vez, o presidente da Câmara Municipal de São Filipe, Nuías Silva, disse que com a conclusão do projecto de electrificação de Salinas está a materializar mais um sonho das pessoas de S. Jorge, da comunidade piscatória e de estância balnear, lembrando que este projecto é fruto de uma parceria entre o Governo e a câmara de São Filipe.

Disse que, quando assumiu o destino do município, encontrou alguns elementos na ilha para o processo de electrificação, mas elaborou o projecto e abriu concurso para as empresas que podiam realizar a empreitada e junto do Fundo do Turismo mobilizou mais recursos para a sua conclusão.

Para Nuías Silva trata-se de um “acto simples, mas de uma enorme mais-valia para esta localidade, para empresários e potenciais empresários que querem investir nesta localidade”.

Este prometeu em parceria com o Governo continuar a trabalhar para que a estrada seja uma realidade, para que o projecto de requalificação seja concluído e com nova ambição tendo em conta as potencialidades que é único e merece atenção carinhosa da autarquia e por parte do Governo.

Este espera que por ocasião do centenário da cidade de São Filipe possam inaugurar a estrada, requalificar o de cemitério de Marcela e a nova estância balnear de Salinas, incluindo o arrastadouro que é um compromisso do Governo que já enviou uma equipa de Infraestruturas de Cabo Verde para fazer o levantamento e a execução faseada até a conclusão das obras.

O operador económico, Eloy Lopes Brandão, proprietário de uma unidade hoteleira que há dois anos aguarda pela chegada da energia, mostrou-se satisfeito com o investimento e agradeceu o Governo e a câmara por esta iniciativa e que poderá atrair mais investidores para a estância balnear de Salinas.

Este apelou ao primeiro-ministro e ao presidente da câmara para uma intervenção na melhoria da estrada de acesso e a resolução do problema de água que se coloca neste momento.

Com a chegada de energia agora será efectuado todo o traçado de baixa tensão desde a estrada principal até a estância balnear de Salinas.

JR/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos