Fogo: Criador perde quase 50 por cento do seu rebanho devido a acção de cães vadios

São Filipe, 27 Ago (Inforpress) – Um criador de gado caprino da localidade de Brandão, a menos de cinco quilómetros da cidade, perdeu quase 50 por cento (%) do seu rebanho devido ao ataque de cães vadios.

O criador que deixou o seu rebanho no final da tarde de quinta-feira, 26 de Agosto, no seu curral, deparou esta manhã com o prejuízo já que os cães mataram cinco cabeças de cabra e feriram cerca de oito animais, que devido à gravidade de ferimentos dificilmente vão sobreviver.

Entre os animais mortos e feridos, o criador perdeu de uma só vez metade do seu rebanho de gado caprino, o único meio de sobrevivência dele e da sua família, já que o mesmo não tem outra fonte de rendimento.

Este ataque de cães vadios acontece numa altura em que a Câmara Municipal de São Filipe tem em curso uma campanha de registo dos animais de estimação (cães e gatos) e de castração, incluindo de cães vadios e sem donos que deambulam pelas ruas da cidade, mas também pelas localidades do interior.

A campanha de castração teve início no passado dia 24 de Agosto, em parceria com Associação Bons Amigos e nos primeiros três dias foram castrados mais de 120 animais, na sua maioria cães.

Hoje, a equipa vai estar na cidade de São Filipe e no sábado tem programada uma deslocação para a zona de Patim, interior sul, para continuar a castração.

Além da participação voluntária dos proprietários dos animais, os serviços camarários estão a contar com a parceria de uma equipa da Direcção Municipal do Ambiente (DMA) e alguns voluntários na captura dos cães vadios para a respectiva castração e por a câmara apelar à colaboração dos vizinhos nos diversos bairros e localidades.

Um dos objectivos da campanha de registos e de castração de cães é reduzir a população canina e, consequentemente, evitar ataques aos animais.

JR/JMV
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos