Fogo: Candidatura da ilha à reserva de biosfera apresentada hoje no quadro do programa da visita do ministro da Agricultura

São Filipe, 31 Jan (Inforpress) – A candidatura da ilha do Fogo à reserva de biosfera é apresentada hoje, na Casa das Bandeiras, no quadro do programa da visita do ministro da Agricultura e Ambiente (MAA), Gilberto Silva, às ilhas do Fogo e da Brava.

A apresentação da candidatura acontece cerca de dois anos depois da socialização do dossiê de candidatura à reserva de biosfera das ilhas do Fogo e Maio, que aconteceu em Maio de 2018.

A reserva de biosfera são áreas em que existe um conjunto de ecossistemas de grande importância e representativo da região, onde se promove uma relação harmoniosa entre a conservação dos recursos naturais e o bem-estar das populações.

Na altura da socialização das fichas de candidaturas, o director Nacional do Ambiente (DNA), Alexandre Rodrigues, salientou que a reserva de biosfera tem três grades funções, nomeadamente, a conservação da diversidade biológica, das paisagens, das espécies e dos ecossistemas, o desenvolvimento económico e social sustentável em função das necessidades da população local, e de logística, de modo a contribuir para investigação científica, formação, educação ambiental.

A candidatura à reserva de biosfera da ilha do Fogo tem apenas uma zona núcleo (central), zona tampão e zona de transição e cobre uma área de 102 quilómetros quadrados e foi alargada para a área marinha.

Garantir um desenvolvimento sustentável dos recursos e a sua utilização de forma sustentável sem pôr em causa a degradação dos recursos, a compatibilização entre a estratégia de desenvolvimento da ilha e conservação dos recursos, a capitalização de mais investimentos estrangeiros e diversificação de fontes de financiamento para a ilha, e a aposta na investigação, educação e desenvolvimento das pessoas, são as principais vantagens que a reserva de biosfera poderá trazer à ilha, segundo responsáveis do sector do Ambiente.

A cerimónia de apresentação da candidatura da ilha do Fogo à reserva da biosfera vai contar com a presença do ministro da Agricultura e Ambiente, Gilberto Silva, e a delegação que o acompanha nesta visita e as autoridades, técnicos e forças vivas da ilha, sendo que a mesma decorra nas instalações da Casa das Bandeiras.

Além de participar na apresentação da candidatura, Gilberto Silva que já visitou os municípios dos Mosteiros e Santa Catarina do Fogo, vai visitar as obras e os estaleiros do projecto de melhoria e extensão da rede de abastecimento de água para agricultura que se estende desde Brandão (São Filipe) até Fonte Aleixo (Santa Catarina), cobrindo grande parte das zonas sul e centro da ilha, onde está concentrada a maioria das parcelas irrigadas, assim como o centro de extensão rural de Patim, a sul de São Filipe.

JR/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos