Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Fogo: Câmara de São Filipe quer mobilizar parceria para aquisição de uma ambulância e clínica de saúde móvel

São Filipe, 12 Fev (Inforpress) – A Câmara de São Filipe está a trabalhar na mobilização de parceria para aquisição de uma ambulância de uma clínica de saúde móvel para atendimento das pessoas nas suas próprias comunidades.

A informação foi avançada quinta-feira, pelo presidente da câmara, Nuias Silva, no quarto encontro do comité de pilotagem de combate à pandemia de covid-19 no município de São Filipe.

Segundo o mesmo, a ambulância além de nova estará devidamente equipada com maca electrónica desfibrador portátil e todos os equipamentos necessários para o transporte adequado de doentes, salientando que esta será a primeira ambulância nova a ser adquirida.

Neste momento a ambulância da autarquia encontra-se avariada, mas o serviço está sendo garantido graças à cedência de uma unidade, por empréstimo, e por isso prevê-se que a aquisição da ambulância poderá ocorrer nos próximos tempos.

Além da ambulância e no quadro da parceria, Nuias Silva indicou que será adquirida uma clínica de saúde móvel para prestação dos cuidados de saúde nas comunidades do interior, sublinhando que esta unidade está devidamente equipada e poderá atender as grávidas, mas também outras áreas, nomeadamente de otorrinolaringologia, possuindo dois gabinetes para consultas.

Nuias Silva advogou que neste momento a saúde passou a ser prioritária para o município e por isso vai estabelecer parcerias com a delegacia de saúde e com a direcção do hospital para ultrapassar os obstáculos existentes neste momento.

Com relação à covid-19, apesar do município contar neste momento com 16 casos activos, durante o encontro do comité de pilotagem que integra as autoridades sanitárias (delegacia e hospital regional), Polícia Nacional, Educação, conselho Local da Cruz Vermelha, organização das mulheres e confissões religiosas este disse que a meta é ter o município sem casos activos.

Depois de ouvir as preocupações dos integrantes do comité sobre a situação, que se prendem essencialmente com o incumprimento das medidas sanitárias, com o incumprimento do funcionamento de alguns estabelecimentos comerciais, uso de máscaras, utilização e concentração de pessoas nos espaços desportivos (placas) ficou assente a necessidade de reforçar a fiscalização, do tratamento do lixo.

As autoridades, nomeadamente a câmara, a delegacia de Saúde e a Polícia Nacional vão reunir-se na segunda-feira, 15, para traçar as medidas a serem implementadas no quadro da fiscalização.

JR/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos