Fogo: Adega Chã perspectiva colocar no mercado no período festivo o seu vinho espumante

São Filipe, 24 Nov (Inforpress) – A adega cooperativa Chã está a envidar esforços para colocar no mercado nacional o seu mais recente produto, o vinho espumante, por ocasião do período festivo,.

“Estamos na fase experimental de produção de espumante e a analisar a possibilidade de colocar umas 500 garrafas no mercado, por ocasião das festas”, disse David Monteiro Gomes “Neves”, salientando que a adega está aguardando as etiquetas que devem chegar das ilhas Canárias.

Este disse que a adega realizou, há uma semana, uma sessão de experimentação e degustação com participação dos seus parceiros das Ilhas Canárias e o espumante produzido à base da variedade da uva preta tradicional (Touriga nacional) aponta que se trata de “um produto de excelente qualidade” e que a adega deve pensar em apostar neste tipo de produto.

Há três anos que a adega está a trabalhar na produção de espumante e a produção que vai ser colocada no mercado é do primeiro ano, isto porque, explicou a sua produção exige algum trabalho técnico.

David Gomes Monteiro avançou que apesar da pandemia da covid-19 espera que o produto possa interessar algumas pessoas nesta época festiva por ser um produto bom e nacional, observando que o objectivo é aumentar a produção deste produto, já que o pessoal está capacitado para realizar todo este trabalho.

Além da adega Chã, a de Sodade, nos Mosteiros, também já tinha colocado em 2015 no mercado um vinho espumante “made in Fogo”, obtido a partir do vinho produzido em 2013 à base de moscatel da região vitícola de Chã das Caldeiras e que passou mais de dois anos no processo de fermentação.

JR/HF

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos