Ferro Gaita leva funaná à China com actuações em três cidades

Cidade da Praia, 22 Abr (Infropress) – Os “embaixadores” do funaná Ferro Gaita vão estar de 25 a 04 de Maio na China, para três actuações na cidade de Qingdao, Pequim e Chengdu.

O evento, que acontece no âmbito do encerramento do projecto do Ano de Amizade e Intercambio Cabo Verde/China, concebido pela Associação de Amizade Cabo Verde/China (AMICACHI) é, segundo Augusto Veiga, o realizar de “um sonho”.

“É um sonho antigo levar Ferro Gaita à China, que agora vai ser concretizado. O facto de ser a primeira digressão do tipo de um grupo cabo-verdiano à China faz com que seja uma grande responsabilidade”, disse.

Isso porque, explica Augusto Veiga, Ferro Gaita vai representar a cultura e a música cabo-verdianas num país como China.

O grupo, que já actuou em Macau, tem nesta viajem uma enorme expectativa, mas espera que as três cidades chinesas o acolhem com “fúria”.

“O que queremos é que o AMICACHI saia mais motivado em fazer mais projecto do tipo. Assim, apelamos aos estudantes cabo-verdianos a participarem e a convidarem os amigos chineses para ouvirem a nossa musica”, frisa Augusto Veiga.

Os Ferro Gaita nasceram em 1996, chamando a atenção pelo som quente e diferente que apresentavam e em Maio de 1997 participaram no Festival da Gamboa e em Junho gravaram o seu primeiro álbum Fundu Baxu.

O nome Ferro Gaita vem da combinação dos dois instrumentos: o ferro (pedaço de metal tocado com uma faca) e a gaita (tipo de acordeão), utilizados na música tradicional cabo-verdiana, como instrumentos base do género musical mais tocado pelo grupo: o funaná, que teve a sua génese com a chegada do acordeão a Cabo Verde.

PC/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos