São Vicente: Federação Cabo-verdiana de Xadrez define Setembro como mês para realização do campeonato nacional 

 

Mindelo, 10 Jul (Inforpress) – O primeiro campeonato de Cabo Verde de xadrez individual absoluto deve ocorrer de 13 a 17 de Setembro, anunciou a federação da modalidade, que pede às associações para apurarem, em provas regionais, os respectivos representantes.

Em nota distribuída às associações e outras entidades, a que a Inforpress teve acesso, a Federação Cabo-verdiana de Xadrez (FCX) aproveitou para divulgar o regulamento da prova nacional, o qual estabelece que as associações de São Vicente, Santo Antão, Sal, Praia e São Nicolau, devem inscrever os seus campeões regionais “obrigatoriamente” até o dia 31 de Agosto.

A fase final do campeonato nacional individual absoluto será disputada em sistema de todos contra todos a cinco rondas, em partidas de 90 minutos para 40 lances, mais 30 minutos para o resto da partida, com um acréscimo de 30 segundos por lance por jogador, a partir do primeiro lance.

O emparcelamento será efectuado pela tabela de Berger.

Paralelamente à fase final, e devido às alterações introduzidas nas leis do xadrez e que vigoram desde o dia 01 do corrente, a FCX vai promover um novo curso de árbitros, o qual servirá de reciclagem para os árbitros já licenciados e permitirá o licenciamento de outros árbitros nacionais.

A FCX, organização sem fins lucrativos, foi proclamada a 17 de Abril de 2016, em São Vicente, sendo o seu primeiro presidente eleito, ainda em funções, Francisco Carapinha.

Tem como missão, entre outros, promover e incentivar o conhecimento, estudo e jogo do xadrez em Cabo Verde, regular o funcionamento das actividades relacionadas com o xadrez, proporcionando formação nas várias áreas abrangentes à modalidade, para permitir que se criem condições para “um bom nível e qualidade”.

A Federação Cabo-verdiana de Xadrez representa Cabo Verde junto da Federação Internacional de Xadrez (FIDE).

Todas as competições que sejam realizadas no arquipélago para serem oficializadas têm de ser homologadas pela FCX de acordo com a regulamentação própria FCX e da FIDE.

AA/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos