Ex-directora-geral da CPLP recebe Prémio Especial de projecto internacional aRitmar

Lisboa, 24 Abr (Inforpress) – O júri do prémio internacional aRitmar, que distingue as melhores músicas e poemas portugueses e galegos de cada ano, concedeu o Prémio Especial à ex-directora-geral da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), informou hoje a organização.

Em comunicado enviado às redacções, a organização dos Prémios, a cargo da Escola Oficial de Idiomas de Santiago de Compostela, sublinha que a distinção atribuída a Georgina Benrós de Mello visa destacar “o seu envolvimento activo na integração da Galiza naquele organismo internacional e o impulso que deu ao estabelecimento de relações com instituições oficiais e associações civis galegas”.

“A decisão do júri, anunciada na véspera do simbólico 25 de Abril português, visa destacar, dentro do projecto aRitmar Galiza e Portugal, uma pessoa, grupo de pessoas, instituição ou iniciativas que contribuíram para a construção de pontes de amizade e colaboração entre a Galiza e a Lusofonia, bem como trabalhar pela cultura e língua comuns, reconhecimento mútuo entre a Galiza e a Lusofonia ou com uma obra de reintegração da cultura galega no seu verdadeiro espaço natural”, refere a organização.

Segundo o júri, Georgina Benrós de Mello, que também já desempenhou as funções de ministra do Comércio e Turismo de Cabo Verde, país de onde é natural, foi, enquanto directora-geral da CPLP, “uma promotora decisiva” da incorporação da Galiza naquele organismo, tendo mantido durante o seu mandato, que terminou em Fevereiro, “um contacto permanente” com autoridades e instituições galegas.

A entrega da edição 2020 dos Prémios aRitmar, que premeiam as melhores músicas e poemas portugueses e galegos de cada ano, numa iniciativa organizada pela Escola Oficial de Idiomas de Santiago de Compostela, está marcada para o último trimestre do ano.

Na Gala aRi[t]mar Galiza e Portugal, que decorrerá em Santiago de Compostela, capital da Galiza, além de Georgina Benrós de Mello, serão ainda distinguidos “a música galega Sabela, seleccionada como intérprete do melhor tema musical da Galiza em 2019, ‘Despedida’, e António Zambujo, cantor da melhor música portuguesa do ano, ‘Catavento da Sé’, e os vencedores do concurso de poesia”.

O prazo para votação nos três poemas da Galiza e três de Portugal, que concorreram ao concurso de poesia, continua a decorrer até 20 de Maio.

Inforpress/Lusa/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Generic filters
Filter by Categories
Ambiente
Cooperação
Cultura
Sociedade
Desporto
Politica
Economia
Internacional
  • Galeria de Fotos