Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

“Estamos a construir uma nova Praia, de diálogo, abertura e transparência” – Autarca

Cidade da Praia, 18 Mai (Inforpress) – O presidente da Câmara Municipal da Praia, Francisco Carvalho, disse hoje que a autarquia está a construir uma nova Praia, com serviços que permitam “maior diálogo, abertura e sobretudo transparência”

Francisco Carvalho fez esta intervenção à margem da assinatura de um protocolo tripartido entre a Câmara Municipal da Praia, a Provedoria da Justiça e a Assembleia Municipal da Praia, cujo objectivo é dar corpo a um projecto que permita aos munícipes terem acesso à Provedoria através dos canais municipais.

“Estamos a dar um sinal máximo possível de diálogo, de um empenho profundo de construção, com transparência e estamos a abrir todos os canais possíveis para receber as críticas, porque recebemos bem e valorizamos, no sentido de transformar em resultados, para a satisfação todos”, avançou Francisco Carvalho, em declarações à Inforpress.

Neste sentido, apontou que a autarquia já anunciou a criação de um gabinete de atendimento e apoio ao munícipe, cujo objectivo é que cada munícipe que se dirija à câmara municipal seja atendido no próprio dia.

“Este é um mecanismo de triagem muito forte aqui na câmara, em que os munícipes são atendidos e são direccionados aos directores, vereadores ou ao próprio presidente, garantindo assim que ninguém volte para a casa sem saber para onde o seu assunto foi encaminho”, assinalou.

Por outro lado, informou, a edilidade vai inaugurar amanhã, Dia do Município da Praia, o Gabinete de Apoio ao Migrante, explicando que a estrutura irá servir o imigrante, ou seja, o estrangeiro que vive na Cidade da Praia e para o emigrante cabo-verdiano que vive na diáspora e necessite dos serviços da autarquia.

Para o dia do município da Praia estavam programado um extenso leque de actividades, de 29 de Abril a 19 de Maio, que, por força dos condicionalismos impostos pela pandemia e da decretação do Estado de Emergência teve que ser, em boa parte, suspenso.

HR/JMV
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos