Estado do tempo marcado por ventos fortes poderá voltar à normalidade nas próximas 72 horas – INMG

Espargos, 18 Jun (Inforpress) – Cabo Verde registou nos últimos dois dias ventos muito fortes e com rajadas e visibilidade reduzida devido à bruma seca, com maior intensidade nas regiões ocidentais do Barlavento.

De acordo com uma nota informativa do Instituto Nacional da Meteorologia e Geofísica (INMG) sobre o estado do tempo no País, a situação resulta da intensificação da acção do anticiclone dos Açores, associada a uma depressão térmica sobre a África Ocidental (Mauritânia), que originou uma área com fluxo de vento fortes a muito fortes, com rajadas, e facilitou o transporte de poeiras da costa da Mauritânia para as latitudes do arquipélago.

O mesmo documento aponta, entretanto, para uma melhoria gradual a partir desta sexta-feira, com aumento da visibilidade, que passará gradualmente de fraca/moderada a boa, e a redução da intensidade do vento, prevendo-se, porém, o “agravamento significativo” do estado do mar, principalmente a Norte/Nordeste, com ondas de NE com 2,5 a 4 metros de altura.

O documento estima ainda que nas próximas 72 horas, isto é, a partir de sábado, 20, a situação do estado tempo volte à normalidade no arquipélago, mas quanto ao estado do mar a normalidade será “mais lenta”, prevendo-se uma melhoria entre os dias 21 e 22.

SC/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos