Espectáculo que retrata amizade dos escritores Sophia de Mello Breyner e Jorge de Sena apresentado no Mindelo

Mindelo, 04 Mai (Inforpress) – A peça “Para atravessar contigo o deserto do mundo” que retrata a amizade dos escritores Sophia de Mello Breyner e Jorge de Sena será apresentada neste sábado, na Academia Livre das Artes Integradas do Mindelo (ALAIM).

A exibição consta da programação do mês de Maio do Centro Cultural Português do Mindelo e está enquadrada nas comemorações do Dia Internacional da Língua Portuguesa, assinalado a 05 de Maio.

Sendo assim, os actores portugueses Pedro Lamares e Lúcia Moniz sobem ao palco da ALAIM no sábado para dar a conhecer ao público mindelense a peça inspirada a partir da amizade e das cartas trocadas entre Sophia de Mello Breyner Andresen e Jorge de Sena.

“Para atravessar contigo o deserto do mundo” é, conforme informações do Centro Cultural Português, um “exercício de intertexto, intertexto entre dois poetas, entre dois actores, intertexto de afectos e uma luta comum, entre o mundo que temos e o que queremos”.

“A amizade de Sophia e Jorge de Sena é bem conhecida, até pelas cartas publicadas. Juntos, em separado, atravessaram o deserto de um país em ditadura. Sena exilou-se, Sophia ficou. Desse afastamento físico resulta a literatura epistolar da sua correspondência. Muito além da directa, há uma profunda correspondência de propósitos. A luta pela liberdade, pela acção, pela palavra”, lê-se na sinopse do espectáculo.

A apresentação, no Mindelo, tem entrada gratuita, mas com lotação limitada.

Na programação do Centro Cultural Português do Mindelo (CCPM) destaca-se ainda mais uma estreia, nos dias 14 e 15, com os alunos do curso de teatro T18, que trarão à baila o espetáculo “Cabaret Mindelo”, que propõe uma reflexão crítica sobre o quotidiano da cidade do Mindelo, recriando o ambiente dos cabarés que surgiram na França no século XIX e que se espalharam um pouco por todo o mundo.

A agenda do CCPM, neste mês, traz ainda recital de poesia e música como Pedro Branco e também mais uma edição do Maio.DOC, que exibe entre os dias 23 a 28 uma mostra de documentários, na qual se destacam filmes cabo-verdianos e o documentário “José e Pilar” retratando a vida do escritor português José Saramago, que agora em 2022 comemora-se o centenário do seu nascimento.

LN/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos