Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Escritor cabo-verdiano José Luiz Tavares apadrinha 5ª edição do CriaPOESIA em Portugal

Cidade da Praia, 03 Mai (Inforpress) – O escritor cabo-verdiano e vencedor do Prémio INCM/Vasco Graça Moura, José Luiz Tavares, apadrinha a 5ª edição do Encontro Juvenil do Atlântico (CriaPOESIA), previsto para 11 e 12, no Funchal, Ilha da Madeira (Portugal).

Organizada pela Associação de Solidariedade Social para o Desenvolvimento e Apoio a Crianças e Jovens (CRIAMAR), nesta quinta edição vão reunir todos os países arquipélagos da Macaronésia à volta da Poesia juvenil, naquilo que, segundo a organização, é uma “iniciativa inédita” em Portugal.

Este concurso de poesia e poesia visual, segundo informou hoje à organização, através de um comunicado de imprensa, é destinado aos alunos de terceiro ciclo e secundário dos arquipélagos da Madeira, dos Açores, de Cabo Verde e das Canárias, e pretende ser uma forma de “dar voz” aos jovens poetas insulares macaronésios.

“Nesta 5ª edição, o CriaPOESIA atingiu a sua meta final, integrando as Canárias, tornando-se, assim, num Encontro Juvenil da Macaronésia subordinado à Poesia, em que haverá o intercâmbio dos jovens, nomeadamente aquando da cerimónia anual de entrega de prémios, no Funchal, e de um ‘cruzeiro poético’, ao Porto Santo, eventos para os quais estão convidados todos os concorrentes”, informou.

Durante o “cruzeiro poético”, em que é esperada a presença de 500 alunos e professores, dos quais aproximadamente 150 chegarão dos Açores, Canárias e Cabo Verde, vai prevalecer o intercâmbio e a partilha de culturas e experiências de cada jovem envolvido, naquilo que pretendem que seja uma celebração da amizade e do conhecimento e aceitação do outro.

A CRIAMAR, segundo a mesma fonte, consegue este “feito único no país”, nomeadamente na acção de uma associação privada, promovendo a leitura e a escrita, evolvendo cerca de 650 jovens, oriundos de 17 ilhas.

“Assim, graças a essa coragem e à expressão artística de cada um, a História e as tradições fundiram-se, unindo os arquipélagos, e de 17 passamos a sentir uma só ilha, a da Poesia”, lê-se no comunicado.

A filosofia desta iniciativa integra, ajuntou, além do concurso, a possibilidade de reunir todos os participantes num único espaço físico, num “fim-de-semana poético”.

A organização avançou ainda que para além da presença do padrinho José Luiz Tavares, está confirmada a presença dos representantes governativos do pelouro da Educação dos arquipélagos envolvidos.

De Cabo Verde estão inscritos cerca de 90 alunos e professores de nove escolas (Maio, Sal, Santiago, Santo Antão, São Nicolau e São Vicente).

Esta iniciativa tem o alto patrocínio da Presidência da República Portuguesa, o apoio das secretarias de Educação dos Açores e da Madeira, do Ministério de Educação de Cabo Verde e da Consejería de Educación y Universidades das Canárias.

AM/AA
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos