Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Escritor brasileiro lança na Cidade da Praia livro “O Infindável Museu das Coisas Efémeras”

Cidade da Praia, 13 Mai (Inforpress) – O escritor brasileiro Éder Rodrigues lança hoje, pelas 17:00, na Cidade da Praia, o livro “O Infindável Museu das Coisas Efémeras”, evento promovido pelo Centro de Língua Portuguesa (Camões) e pela Universidade de Cabo Verde (Uni-CV).

“O Infindável Museu das Coisas Efémeras” é uma “obra impactante” que vem chamando a atenção de público e crítica, desde que foi lançada no Brasil, lê-se no comunicado de imprensa enviado à Inforpress.

A obra, de acordo com a mesma fonte, é uma colecção exposta de tudo que humanamente transborda e se dilui por essência e, também, por natureza, que vem sendo apontado como um dos principais lançamentos do ano de 2020 no segmento da poesia.

“Trata-se de uma obra que transforma o ofício poético em um acto de partilha milimetricamente verticalizado no formato de um livro/museu”, apontou.

Conforme a fonte, Éder Rodrigues constrói elos que permitem ao leitor transitar pelas alas do livro, nomeadamente o “Inventário de cheganças e nascença”,” Acervo de quintais”, “Esquecimentos e outros detalhes que empoçam dentro do olho”, “Delicário (Colecção de delicadezas, Tristesses e Profundâncias)”, “Arqueologia dos desejos e perdições” e “Catálogo de sopros, disritimias e outras pulsações que fazem o coração bater fora do peito”.

“O próprio título das alas já denota a intensidade poética que do livro esparrama, além de evidenciar um extracto do trabalho do autor que se concentra justamente nas camadas mais profundas em torno da transitoriedade e da finitude humana”, lê-se no documento.

“O Infindável Museu das Coisas Efémeras” é uma obra que, de acordo com o comunicado, tem percorrido o Brasil e “impactado pela inventividade estética e poética” com que a obra foi construída, “característica que demarca o repertório premiado do escritor”.

TC/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos