Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Enfermeiros são uma classe importante no Serviço Nacional de Saúde – director do Hospital Agostinho Neto

 

Cidade da Praia, 12 Mai (Inforpress) – O director do Hospital Central da Praia disse hoje que a comemoração do Dia Internacional dos Enfermeiros é uma forma de chamar a atenção das populações sobre a importância que tem esta classe profissional no Serviço Nacional de Saúde.

Júlio Andrade fez estas declarações à imprensa à margem das actividades comemorativas do Dia Internacional dos Enfermeiros, que se celebra a 12 de Maio, na maior unidade hospitalar do país.

Para o responsável do Hospital Dr. Agostinho Neto, a classe da enfermagem não só é “importante” para a prestação dos cuidados de saúde, mas também tem “relevância” em termos de cuidados “preventivos, promocionais da saúde da população e na vertente formativa”.

“Desde a independência a esta parte, os enfermeiros tiveram um papel importante na melhoria das condições de vida da nossa população, assim como na melhoria dos nossos indicadores sanitários e da prestação de cuidados à população de Cabo Verde”, precisou o médico Júlio Andrade.

Confrontado com informações segundo as quais o Hospital Central da Praia tem falta de enfermeiros para cobrir as necessidades ali existentes, Júlio Andrade reconheceu que ainda não atingiram o rácio recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), assim como em relação a outros profissionais da saúde.

“Se conseguirmos aumentar o número de enfermeiros, optimizar o seu desempenho, dando novas competências e valências, poderão desenvolver mais o Serviço Nacional da Saúde e melhorar a prestação dos cuidados de saúde à população”, indicou.

Sobre a especialização dos enfermeiros, o director do “Agostinho Neto” adiantou que, neste momento, já existem especialistas nesta área.

“Há todo um projecto para a especialização da enfermagem, que é uma exigência para a evolução na carreira”, assegurou Júlio Andrade, prometendo, em concertação com o Ministério da Saúde, com as universidades e com o Sindicato da Enfermagem, criar as condições para especialização do pessoal enfermeiro nas mais diversas áreas.

Segundo ele, neste momento, existem em Cabo Verde enfermeiros a fazer mestrado e doutoramento.

No hospital Dr. Agostinho Neto trabalham em efectivo 199 enfermeiros e 50 em regime de estagiário.
Em Cabo Verde, segundo informações do Ministério da Saúde, ainda persiste um défice a volta de 30 por cento de enfermeiros para dar cobertura adequada na atenção primária.

O Dia Internacional da Enfermagem, que este ano se assinala sob o signo “Enfermeiros: Uma Voz Para a Liderança, Alcançando os ODS”, é celebrado em homenagem a Florence Nightingale, um marco da enfermagem que ficou conhecida como “A Dama da Lâmpada”, por percorrer os leitos de soldados durante a noite em tempos de guerra.
Florence Nightingal foi a fundadora da Primeira Escola de Enfermagem da Inglaterra, fundada em 1859, no Hospital Saint Thomas.

LC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos