Edil da Ribeira Grande de Santiago quer oficializar conferência internacional sobre Cabo Verde/Atlântico

Cidade da Praia, 29 Jan (Inforpress) – O autarca da Ribeira Grande de Santiago promete institucionalizar uma série de Conferência Internacional Cabo Verde e Atlântico na Cidade Velha, enquanto berço da cabo-verdianidade, como forma de trazer mais contribuição para a história de Cabo Verde.

Manuel de Pina manifestou esta intenção à imprensa por ocasião do encerramento da Conferência Internacional Cabo Verde e Atlântico – encruzilhada de pessoas, mercadorias e investimentos de capital (1460 -1610), promovido pela Associação de Amizade Cabo Verde Itália (Kriol-Ità)”.

O autarca considera que “há muito ainda por fazer para que todos conheçam, realmente, a dimensão e a importância de Cabo Verde no contexto da humanidade”, acrescentando que existe registo em vários cantos do mundo e que encontros do nível facilitem investigação.

“Considerando a importância de Cabo Verde, o peso que teve na economia na altura, penso que seria bom que trabalharmos nesta perpectiva com o concurso de todos e chegarmos a bom porto”, enfatizou Manuel de Pina, para quem a edilidade ribeira-grandense estaria a promover esta conferência anualmente de forma a congregar todas as contribuições para dar a conhecer a historia deste arquipélago.

Já a presidente da Kriol-Ità mostrou-se “muito emocionada” com a realização desta conferência de “alto nível”, envolvendo historiadores e investigadores, por entender que ultrapassou as expectativas, porquanto os historiadores trouxerem estudos inéditos que ressalvam a importância deste país na história da humanidade.

Maria Silva afirmou que Cabo Verde é algo ainda inexplorado e que a sua importância é enorme, razão pela qual, atestou, todos ficaram comprometidos no sentido de criarem uma rede e fazer publicações conjuntas de inserir o arquipélago na lista dos países mormente estudados no Atlântico e Mediterrâneo.

“Cabo Verde merece estar naquela lista”, prognosticou Maria Silva, convicta que este colóquio abrirá novas portas para Cabo Verde.

Promovido no quadro das festividades de Nhu Santu Nomi, esta conferência contou com especiais parcerias da Villa i Tatti, the Harvard University Center for Italian Renaissance Studies, Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas através do IPC, do Município de Noli (Itália) e do Forum Transregionale Studien, de Berlin, na Alemanha.

SR/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos