Dia Nacional da Cultura: Presidente da República vai condecorar personalidades e instituições

Cidade da Praia, 08 de Out (Inforpress) – O Chefe de Estado, Jorge Carlos Fonseca, vai, este ano, por ocasião do Dia da Cultura e das Comunidades, condecorar algumas personalidades e instituições, que se destacaram nestas áreas, informou hoje, em nota de imprensa, a Presidência da República.

Segundo a mesma fonte, a Presidência da República, no quadro das suas realizações para assinalar a efeméride, escolheu as ilhas do Maio e Brava para, também, serem palco das comemorações deste evento, que se assinala no dia 18 de Outubro próximo.

De acordo com a programação, além de actividades restritas na Cidade da Praia, por causa da pandemia da covid-19, no dia 16, a escritora Zaida Sanches, autora de obras infanto-juvenis, vai proferir uma palestra na escola secundária do Maio, onde estão ainda previstos espectáculos musicais e de declamação de poesia.

Na ilha Brava, acrescenta a mesma fonte, o escritor e ficcionista Daniel Ramos Mendes, à semelhança da Zaida Sanches, vai falar das suas obras e do papel da literatura e sua importância na formação do intelecto.

A nota de imprensa acrescenta que, nas duas ilhas, a Presidência da República fará uma oferta de livros para as bibliotecas escolares locais.

“Num momento em que os artistas e os músicos, em particular, passam por muitas dificuldades, a celebração deste Dia Nacional da Cultura tem grande significado”, refere o documento, acrescentando que esta oportunidade serve para chamar a atenção para a situação pela qual está a passar esta classe.

As actividades que a Presidência da República vai realizar visam permitir que os jovens “conheçam e interiorizem a importância desta efeméride”.

Os eventos contam com as parcerias do Ministério da Educação e da Associação Cultural Sete Sóis Sete Luas, e decorrerão seguindo as orientações das autoridades sanitárias do país, respeitando o distanciamento e as medidas de segurança definidas.

A Presidência da República organiza, também, uma exposição virtual de fotografias, disponível nas suas plataformas online, sobre a importância e o papel das comunidades cabo-verdianas da diáspora, no conjunto da nação cabo-verdiana, e dos diversos encontros, eventos, cerimónias, ocorridos durante as visitas e deslocações do Presidente da República.

O Dia da Cultura e das Comunidades coincide com a data do nascimento de Eugénio de Paula Tavares, em 1867.
Ele foi a figura cimeira da vida cultural, política e social de Cabo Verde entre 1890 e 1930.

A sua vastíssima obra vai da poesia à música, da retórica ao jornalismo, da ficção à política, tendo sido o primeiro homem de cultura do arquipélago a conseguir dar relevo literário à poesia em crioulo.

Sendo um dos maiores compositores da morna, foi também um prosador aprimorado, quer quando escreveu em português, como quando o fez em crioulo.

LC/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos