Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Dia Mundial da Alimentação: FAO apela para medidas que beneficiem a todos com uma alimentação “saudável e sustentável”

Cidade da Praia, 16 Out (Inforpress) – A Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) apelou hoje aos governos a adoptarem políticas que priorizem a acessibilidade de alimentos “seguros e nutritivos” e que beneficiem a todos com uma alimentação “saudável e sustentável”.

O repleto foi lançado pelo director-geral FAO, Qu Dongyu, na sua mensagem alusiva ao Dia Mundial da Alimentação, celebrado hoje, sob o lema “Nossas ações representam o futuro. Dietas saudáveis para um mundo de #Fome Zero”.

No documento, a FAO chama a atenção para os mais recentes dados, que mostram que a desnutrição está aumentando em todas as regiões e estratos sociais e económicos, defendendo que a erradicação da fome é uma prioridade absoluta.

Para que todos possam beneficiar de uma alimentação saudável e sustentável, o director-geral considerou que os agricultores, governos, investigadores, sector privado e consumidores têm um papel a desempenhar e que as parcerias são fundamentais para atingir os objectivos.

“Os governos precisam adoptar políticas, normas e regulamentações alimentares que priorizam a disponibilidade e a acessibilidade de alimentos seguros e nutritivos”, referiu a mesma fonte, para quem as instituições de pesquisa precisam fornecer o “melhor aconselhamento científico e empurrar os limites” do conhecimento e da tecnologia e o sector privado pode influenciar positivamente o sector agroalimentar.

Reiterou a necessidade de se adaptar os produtos às recomendações nutricionais modernas e que o indivíduo também precisa refletir sobre as suas escolhas alimentares e hábitos alimentares através da consciencialização e da aprendizagem.

Na mensagem, Qu Dongyu assegurou que a FAO apoia todos os seus países-membros nos seus esforços para que dietas saudáveis sejam uma realidade para todos, reforça a capacidade dos países em avaliar e monitorar a situação nutricional, transferência de conhecimento e fornece normas alimentares.

Por outro lado, disse que estão disponíveis para aumentar a produção e o consumo de alimentos de boa qualidade através de investimentos centrados na agricultura, nos quadros regulamentares, na tecnologia e na inovação, realçando que a alteração de sistemas alimentares requer um forte compromisso político de sinergias coletivas e uma visão holística da agricultura e de cadeias alimentares.

Para a FAO, a nutrição significa saúde, produtividade e bem-estar geral das pessoas, e prosperidade das sociedades, daí a necessidade de todos se comprometerem com uma melhor nutrição por uma vida mais saudável e mais feliz.

Com eventos organizados em mais de 150 países pelos escritórios nacionais da FAO, a data vida conscientizar a opinião pública sobre a importância da nutrição e da alimentação.

O Dia Mundial da Alimentação marca também o 74º aniversário da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura, que foi criada a 16 de outubro de 1945.

AV/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos