Dia Internacional da Juventude: Ministro desafia jovens a serem “o exemplo da mudança que se quer para o País” (c/áudio)

Tarrafal, 13 Ago (Inforpress) – O ministro Fernando Elísio Freire desafiou os jovens cabo-verdianos a serem “o exemplo da mudança que se quer para o País” e que, para tal, devem ser “corajosos, confiantes, resilientes, abertos ao mundo e cosmopolitas”.

Na abertura do acto central das comemorações do Dia Internacional da Juventude, assinalado esta quarta-feira, sob o lema “Engajamento da Juventude para a Acção Global, que decorreu no Tarrafal de Santiago, que é também Cidade Capital Cabo-verdiana da Juventude (CCCJ) 2020, o governante referiu que toda a acção e política do Governo visa fazer com que o País tenha uma juventude cosmopolita e aberta ao mundo.

Mas que, também, acrescentou, domine os principais instrumentos, ou seja, as tecnologias e línguas, para que possa competir com o mundo e estar no mundo.

Se tal acontecer, o ministro de Estado e dos Assuntos Parlamentares e da Presidência do Conselho de Ministros e ministro do Desporto disse acreditar que o País vai ter uma juventude que define e defende os valores das liberdades e da democracia.

Ou seja, ajuntou, é promovendo as liberdades, as garantias e a democracia que os jovens cabo-verdianos vão estar em condições para trabalhar em qualquer parte do mundo, acrescentando que não se quer um “jovem casmurro e que pense que Cabo Verde é só para os cabo-verdianos”.

Na ocasião, o também titular da pasta da Juventude assegurou que o País está “no bom caminho”, que se está a igualar as oportunidades e a actuar para que todos tenham acesso à educação, referindo-se à gratuidade até 12º ano de escolaridade.

Por isso, pediu confiança num amanhã, que segundo vaticinou “será seguramente melhor”, com uma juventude “corajosa, confiante e cosmopolita”, ou seja, “dominando as tecnologias e as línguas”.

O governante pediu ainda coragem à juventude cabo-verdiana, sobretudo neste momento “difícil e de provação”, referindo-se à pandemia do novo coronavírus (covid-19).

“(…) Neste momento somos chamados a travarmos uma luta através da nossa acção individual e local, mas com impacto global que é esta luta contra a pandemia da covid-19. Sei que vamos ganhar e os jovens estarão na linha da frente desta vitória, pela sua acção, pela sua coragem, determinação, e pela sua crença de que iremos todos juntos ganhar a guerra contra o vírus voltarmos a estar juntos e a construir um caminho do nosso futuro”, vaticinou.

O evento, que foi promovido pelo Instituto do Desporto e da Juventude (IDJ), em parceria com o Escritório Conjunto das Nações Unidas em Cabo Verde, contou ainda com as intervenções da coordenadora interina do Sistema Das Nações Unidas em Cabo Verde, Ana Touza, e do vereador da Juventude da Câmara Municipal do Tarrafal, Daniel David Soares.

Segundo Ana Touza, Cabo Verde tem demonstrado “inequivocamente em várias ocasiões o engajamento para com a sua juventude”, seja pela elaboração, implementação de políticas públicas para a juventude, como nas de iniciativas globais que visam promover o papel dos jovens no processo de desenvolvimento nacional e global.

Por sua vez, o vereador tarrafalense mostrou-se orgulhoso por Tarrafal ter sido escolhido para ser a CCCJ, mas, no entanto, lamentou o facto de a pandemia não os ter deixado realizar um conjunto de actividades programadas para este ano.

Nesse sentido, tendo em conta que, segundo ele, já têm uma Comissão Executiva da CCCJ criada, que engloba jovens de tarrafalenses e de outros municípios, propôs que Tarrafal continuasse com este estatuto também em 2021.

Na ocasião foram apresentados os vídeos da campanha “Tarrafal sem plástico”, das associações juvenis “Boas Praticas dos ODS”, e da pintura do Mercado do Artesanato e Cultura do Tarrafal, que foi palco do acto central das comemorações do Dia Internacional da Juventude 2020.

Ainda foi realizada uma conversa aberta “De jovens para jovens” e o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, manteve um diálogo com os jovens no País e na diáspora, transmitido através das redes sociais e subordinada ao tema “Os jovens no futuro de Cabo Verde e no mundo que queremos construir”.

FM/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos